Resumo de sociologia processual de norbert elias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (899 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Norbert Elias ficou conhecido pelo seu livro O PROCESSO CIVILIZADOR (2000); Este foi publicado primeiro na Suíça em 1939, e ficou conhecido como sua obra magna.
O seu livro esta dividido em quatropartes. Na primeira o autor analisa os diferentes significados da “civilização” na Alemanha e na França, buscando uma definição para cada cultura. Este conceito foi primeiramente utilizado na França noséculo XVI, mas já na Inglaterra, Itália e Alemanha demarcava o comportamento da corte mostrando as barreiras sociais entre o grupo e o resto da sociedade. Na Europa no século XIX, a civilizaçãopossuía dois significados: O primeiro utilizado pela corte para opor-se ao barbarismo e o segundo passava a idéia de um processo com um objetivo, envolvendo o refinamento do comportamento social e apacificação interna do país. Ao buscar a definição, o autor questiona a crença no progresso e na “civilização” européia em vez dele aceitar e mostra la na obra, ele fez o oposto e problematiza a própriadefinição.
A segunda parte do livro tenta mostrar as transformações nos costumes como; maneiras associadas a mesa, a forma de comer, atitudes relacionadas as funções corporais, comportamentos no quartode dormir, etc...buscando em fontes diversas como a literatura, pintura, documentos históricos, principalmente em livros de boas maneiras. Depois de analisar esses tópicos, ele mostra que as mudançasnão ocorrem aleatoriamente, é a relação existente entre a dinâmica psicológica (o sentimento de vergonha e repugnância) e a dinâmica social (explicitada nas noções de refinamento e civilização) ou aforma de enfatizar um dos conceitos mais importantes desenvolvidos por ele, a relação entre a dinâmica social e a estrutura da personalidade.
Erasmus de Rotterdam é o autor escolhido pra explicitar asociogênese do conceito de civilidade. Elias pretendia estabelecer que os preceitos contidos no trabalho de Erasmus são incorporações da estrutura mental e emocional da classe alta secular da Idade...
tracking img