Resumo capitulo iv - sociedade ao estudo de direito

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1373 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
10 – A Sociabilidade Humana
Segundo a nossa constituição física, fomos programados para convivermos com outros seres de nossa espécie. Uma decorrência natural da união, a prole, passa atuar como fator de organização e estabilidade do núcleo familiar. E o pequeno grupo que inicialmente era formado por sentimentos de afeto e interesses materiais, propaga-se em cadeia formando outros pequenosnúcleos que juntos transformam-se em um grande grupo social.
A lembrança de Ortega y Gasset, ao narrar que a história registra, periodicamente, movimentos de “quer ir-se”. Não enfraquece a tese da sociabilidade humana. A experiência tem demostrado que o Homem é capaz, durante algum tempo, de viver isolado. Não, porém, durante toda sua existência.
O exemplo de Robinson Crusoé serve para reflexão.Durante algum tempo, esteve isolado em uma ilha, utilizando–se de instrumento achados na embarcação. Em relação àquele personagem da ficção, dois fatos merecem observações. Quando Robinson chegou à ilha já possui conhecimento e compreensão alcançados em sociedade e que muitos ajudaram naquela emergência. Além disso, também fez uso de instrumentos que caracteriza a dinâmica da vida social. Daevidencia que ainda na solidão, Robinson utilizou-se de um trabalho social. Examinado o fenômeno da sociedade humana Aristóteles considerou o Homem fora da sociedade ”um bruto ou um deus”, significando algo inferior ou superior à condição humana. Santos Tomás de Aquino, estudando o mesmo fenômeno, enumerou três hipóteses para a vida humana fora da sociedade.
a- Mala fortuna;
b- Corruptio naturae
c-Excellentia naturae.
No Infortúnio, o isolamento se da em caso de naufrágio ou em situação análogas, como a queda de um avião em plena selva. Na alienação mental, o Homem, desprovido de inteligência, vai viver distanciado de seus semelhantes.A ultima hipótese é a quem possui uma grande espiritualidade, como São Simeão, chamado “estilista” por tentar isolar-se numa alta coluna.
É na sociedade queo homem encontra o que precisa para o desenvolvimento de todas as potencias que leva consigo.

11 – O “Estado de Natureza”
Qualquer estudo sobre o homem revela seu estilo de vida grupal. O pretenso “estado da natureza”, em que os homens teriam vivido em solidão, isolados uns dos outros, e mera hipótese. Sem apoio na experiência sem dignidade cientifica. Seu estudo, no entanto, prestasse a finscientifico, conforme revela Del Vecchio.
Com esta hipótese concluímos que fora da sociedade não há condições de vida para o homem.

12 – Forma de Interação Social e ação do direito.
12.1 A interação social: o processo de mutua influenciade relações interindividuais e intergrupais, que formam sob a força de variados interesses, denomina-se interação social. Na relação interindividual, em queo ego eoalter se colocam frente a frente, com suas pretensões, a noção comum dos padrões de comportamento e atitudes é decisiva a natural fluência do fato.
A interação social se apresenta sob as formas de cooperação, competição e conflito. Encontrando no Direito a sua garantia.
Na cooperação as pessoas são movidas por um mesmo objetivo e valor e por isso conjugam seu esforço. A interação semanifesta direta e positiva. Na competição há uma disputa em que as parte procuram obter o que almejam uma visando à exclusão da outra. A interação, nesta espécie, se faz direta, e sob muitos aspectos, positiva. O conflito se faz presente a partir de um impasse, quando os interesses em jogo não logram uma solução pelo dialogo e as partes recorrem à luta, moral ou física. Podemos defini-lo comooposição de interesses, não conciliados pelas normas sociais. No conflito a interação é direta e negativa. O direito só ira disciplinar as formas de cooperação e competição onde houver relação potencialmente conflituosa.
Os conflitos são fenômenos naturais à sociedade, podendo-se ate dizer que lhe são imanentes. Quanto mais complexa a sociedade mais estar sujeita a novas formas de conflitos....
tracking img