Resina epoxi

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2745 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Estadual Paulista
“Júlio de Mesquita Filho”
Engenharia Civil


















Resina Epóxi

















Bauru
2012
Universidade Estadual Paulista
“Júlio de Mesquita Filho”
Engenharia Civil


















Resina Epóxi











M N V G
Professor: M V de A




Bauru
2012
Sumário1.Introdução...............................................................................................04
2.Objetivo...................................................................................................06
3.Discussão.................................................................................................07
3.1Definição e contextualizaçãohistórica..................................................07
3.2Tipos de resina epóxi............................................................................08
3.3Utilização e produtos de resina epóxi...................................................09
3.4Agentes de cura para resina epóxi........................................................124.Conclusão................................................................................................14
5.Referencias..............................................................................................15
6.Anexos....................................................................................................16

Introdução

A palavra epóxi vem do grego "EP” (sobre ou entre) e do inglês "OXI” (oxigênio), literalmente o termo significa oxigênioentre carbonos.  O termo refere-se a um grupo constituído por um átomo de oxigênio ligado a dois átomos de carbono.  O Grupo epóxi mais simples é aquele formado por um anel de 03 elementos, o qual o termo a-epóxi ou 1,2-epóxi é aplicado.  O óxido de etileno é um exemplo desse tipo.  Os termos 1,3 e 1,4-epóxi são aplicados ao óxido de trimetileno e tetrahidrofurano.
[pic]
Os epóxis podemser designados óxidos, como no caso do óxido de etileno (epoxietano) ou óxido de ciclohexano (1,2-epóxi ou 1,2-óxido de ciclohexano).  O termo oxirano, é um nome trivial para o óxido de etileno, e também usado em referência ao grupo epóxi, muitos dos mais comuns monoepóxi possuem nomes triviais  como epicloridrina, ácido glicídico, glicidol e grupo glicidil.
[pic]
O grupo glicidil é usadocomo referência do grupo epóxi terminal, sendo o no me completado por éster, éter, amina, etc..., de acordo com a natureza do grupo ligado ao terceiro carbono.  Seguiremos a nomenclatura geralmente aceita nos EUA.
Produto da esterificação de resinas Epóxi com ácidos graxos provenientes dos óleos vegetais. As resinas Éster de Epóxi apresentam ótima flexibilidade, excelente aderência e ótimaresistência química. Suas principais utilizações são: vernizes para acabamento de latas, primers ricos em zinco, primers anticorrosivos e lixas.
Algumas outras referências devem ser feitas para:
1. Mcintosh e Wolford, os quais em 1920 fizeram plásticos para aplicação em tintas, pó para moldagem e materiais impregnantes à prova d'água, pela reação de fenol ou cresol com epicloridrina napresença de catalisadores.
2. Bluner, o qual em 1930 descobriu a composição para a fabricação de tintas baseadas em compostos fenol aldeído reagidos com epicloridrina.
3. Fon Robert e Lemmer, os quais em 1930 reportaram a esterificação de hidroxilas fenólicas por dicloridrinas em meio caustico.
4. Eisleb, o qual verificou a reação da epicloridrina com aminas secundárias subsequentementedehidrohalogenação com soda caustica em 1926, e Stallman, o qual reportou a produção de diglicidil aminas de amônia e epicloridrina em 1933.
5. Schank, em 1933 descreveu um glicidil éter de baixo peso molecular produzido de um mol de Bisfenol A e 10 moles de Epicloridrina, reagida em meio caustico.
6. Groll e Hearns, em 1934 obtiveram uma série de diepóxi de álcoois cloridrados por...
tracking img