Resenha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1310 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Resenha do livro: Gramática e interação: Uma proposta para o ensino de gramática no 1º e 2º graus.
Luiz Carlos Travaglia

Muitos são, sem dúvida, os fatores que envolvem a questão de como ensinar gramática em sala de aula, quais são os benefícios e consequências que este ensino causa na aquisição da competência linguística.
No que se diz respeito a estrutura do texto, o livro é dividido emduas partes: a primeira trata-se de “Questões fundamentais para ensino de gramática”. Destaca-se:
Quais são os objetivos de ensino de língua materna, dentre os quais se destaca o desenvolvimento da competência gramatical/linguística, ou seja, a capacidade do usuário (falante, escritor/ouvinte, leitor) de gerar sequências linguísticas gramaticais, onde não entram julgamentos de valor; e também acompetência textual, ou seja, a capacidade de produzir e compreender textos.
A concepção de linguagem de um professor que é tão importante quanto a sua postura, pois a maneira com que se concebe a linguagem e a língua influencia positiva ou negativamente o ensino do aluno.
A diversidade da gramática, que se trata da variedade da língua, priorizando a norma culta. Tudo o que foge deste padrão éerrado.
Os tipos de ensino de língua, sendo eles: Prescritivo: objetiva o aluno a substituir seus padrões de linguagem “errados” por “corretos”, somente corrigidos em sala de aula; Descritivo: expor o funcionamento da linguagem e da língua, não só a partir da gramática descritiva, mas também na normativa; Produtiva: objetiva ensinar novas habilidades linguísticas, ou seja, ajuda o aluno aentender o uso da língua materna de maneira mais eficiente, sem alterar os padrões adquiridos por ele.
A variação linguística e o ensino de língua materna tem capacidade de trazer ao aluno a pluralidade dos discursos, já que ele por muitas vezes pode dominar o assunto, sendo assim não cabe o argumento de trabalhar apenas a norma culta, uma vez que o aluno tem muito que aprender sobre diversasvariedades, inclusive a que domina.
Nesta primeira parte do livro, o autor disponibiliza inúmeros exemplos de textos que exemplificam os conceitos de variação linguística, que é fundamental para se ter noção da norma e de erro da língua materna.
A segunda parte é dedicada ao “Ensino da Gramática”.
Como vemos no capítulo tem sido o ensino de gramática nas escolas de 1º e 2º graus no Brasil. Há umaausência quase total de atividades de produção de textos. Segundo levantamento feito junto aos professores, Neves (1990) registra a pergunta “Para que se ensina a gramática?” Que 50% dos professores dizem que se referem ao bom desempenho e menos de 1% declaram que só dão as aulas de gramática para cumprir o programa, embora dados ulteriores tenham mostrado que a desvalorização da gramática é bemmaior. Quanto à pergunta “Para que a gramática é ensinada?” Para a maioria dos professores não há uma real necessidade para o Ensino de teoria gramatical. A maioria dos professores de português afirmam que o papel deles em sala é ensinar o uso da língua.
Logo no capítulo oito, vemos uma proposta para o ensino de gramática. É importantíssimo que o aluno tenha domínio da língua, adquirindo naforma natural do convívio social é possível criar uma reflexão sobre a linguagem, formulação de hipóteses e verificação dos acertos dessas hipóteses sobre a constituição e funcionamento da língua.
No capitulo seguinte nos é apresentado a ideia de gramática de uso, que se aprende inconscientemente, ou seja, sem querer. O conhecimento dos diversos recursos linguísticos colocados à disposição dofalante, escritor/ouvinte, leitor com alternativas para a produção dos sentidos, chegando ou não a uma discrição sistematizada.
Seguindo a linha de raciocínio, também é apresentado a gramática reflexiva, uma gramática em explicitação, de clarificação da linguagem que surge da reflexão com base no conhecimento intuitivo dos mecanismos da língua, segundo Soares (1979: cap.9). A reflexão deve se...
tracking img