Resenha sobre o livro: libras, que língua é essa?

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (621 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE
CENTRO DE EDUCAÇÃO E CIÊNCIAS HUMANAS
DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO
DISCIPLINA LIBRAS
PROFESSOR (A): JOSILENE BARBOSA
ALUNO (A) KARLIANY DE OLIVEIRARESENHA CRÍTICA DO LIVRO DO LIVRO " LIBRAS, QUE LÍNGUA É ESSA ?"




O livro da professora Audrei Gesser inicia sua obra com um breve questionamento sobre é Libras, que língua é essa? Além de abordarsobre essa temática, a autora faz um breve dialogo sobre os diversos questionamentos que acercam sobre a língua de sinais, desmitificando algumas crenças que envolvem esse universo e a valorização daimportância da libras para transmissão e inclusão dos surdos antes desprezados no seio preconceituoso da sociedade.

Inicialmente o principal objetivo da autora está na reflexão sobre algumasquestões relativas à área da surdez, pensando especificamente a relação do ouvinte com esse outro mundo, dialogando com o leitor de forma didática, os grandes tabus que acercam esse universo. No primeirocapitulo intitulada “a língua de sinais” a autora faz um breve esboço das diversas questões como a universalização da língua de sinais, respeitando a variação regional e a derrubada da falsa alusãoentre a língua de sinais a mímica.

Posteriormente nesse mesmo capitulo a autora faz uma importante diferenciação da ASL e Pantomimas, ambas inicialmente formuladas para a construção da língua desinais. ASL criada nos Estados Unidos por William Stokoe em 1960, onde possuía características semelhantes às da língua oral. A característica da pantomimas é expressamente gestual, ou seja, o objeto erarepresentado tal como existe na realidade (associação) elevando assim o maior tempo para a sua locução. Outro fator fundamental neste capitulo está na explicação sequencial dos parâmetros e suasrespectivas criações para o entendimento geral do surdo e do oralizado. Na finalização deste capitulo a autora faz um breve histórico sobre o surgimento dos primeiros defensores de uma educação voltada...
tracking img