Resenha do livro letramento em tres generos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1324 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
LETRAMENTO; Um Tema em Três Gêneros. SOARES, Magda. Belo Horizonte: Autêntica, 1998.
O livro Letramento: Um Tema em Três Gêneros, Magda Soares nos trás o tema letramento dividido em três capítulos: o primeiro como um verbete, o segundo como texto didático e o terceiro no gênero ensaio acadêmico. É notório, na obra, que a autora expressa, em cada gênero, qual público quer atingir. No gênero“verbete” tem como alvo o que ela chama de “leitor-professor” e tem como objetivo principal esclarecer o que significa realmente letramento. Já no gênero “texto didático”, procura alcançar o “professor-leitor-estudante” aquele professor que está sempre procurando se aperfeiçoar e se atualizar na sua profissão. E por fim, no terceiro, ensaio, destina-se a pesquisadores e profissionais, quer seja,nacionais ou internacionais, que se destinam a medir e avaliar letramento e avaliação.
No primeiro capítulo Letramento em verbete, a autora aborda a questão do que é letramento e como e de onde surgiu essa palavra, destaca o fato de ser uma palavra recém-chegada ao vocabulário da educação. Também, fala do analfabetismo, que o dicionário Aurélio da língua portuguesa o define como: “estado ou condição deanalfabeto” e que analfabeto é aquele que não sabe ler e escrever. Ainda nos fala a questão do letrado que é, ainda segundo o dicionário citado, “versado em letras, erudito”, e iletrado é “aquele que não tem conhecimentos literários”. Completa nos lembrando de que no mesmo dicionário não possui a palavra letramento. No entanto, salienta que em outro dicionário, editado a mais de um século, trásessa palavra, no entanto, com significado muito diferente do que se tem hoje, pois tratava letramento como algo “antigo, antiquado” e segundo a autora ela não ver com bons olhos essa definição, portanto foi buscar da língua inglesa com a tradução da palavra literacy, que etimologicamente vem do latim littera (letra), com sufixo-cy, que remete a qualidade, condição, estado, fato de ser. “Ou seja,condição que assume aquele que aprende a ler e escrever” e que o fato do indivíduo saber ler e escrever trás consequências positivas para esse individuo e para o grupo social ao qual ele está envolvido.
Ainda em letramento em verbete, a autora nos fala do surgimento da palavra “letramento” que possivelmente tenha surgido da mesma forma em que surgiu a palavra analfabetismo. Pois, não utilizarmos apalavra alfabetismo, já analfabetismo, nos é familiar. Portanto, conhecemos a bastante tempo o estado ou condição de analfabeto, mas só nos dias atuais o seu oposto tornou-se necessário, pois recentemente passamos a encarar uma nova realidade social, onde se faz importante fazer uso do ler e do escrever, saber responder às exigências de leitura e de escrita. Na língua inglesa, ocorreu o mesmofenômeno, pois illiteracy foi usado e difundido muito tempo antes que literacy brotasse.
Outro ponto importante, é que um sujeito pode não saber ler e escrever, ou seja, ser analfabeto, no entanto, pode ser, letrado. Uma vez utilizando a leitura e a escritura no seu dia a dia, como por exemplo: quando pede pra alguém ler o jornal pra ele, dite uma carta pra que uma pessoa que saiba escrever redija. Ouseja, faça uso da escrita e da leitura em práticas sociais. Mesmo sem saber ler e nem escrever já está inserido no mundo do letramento.
No segundo parágrafo, “Letramento em texto didático, o que é letramento e alfabetização” Soares, assim como no primeiro parágrafo, aborda o tema letramento e alfabetização, pois lembramo-nos de que essa obra se trata de um tema tratado em três gêneros. Noentanto, nesse momento do texto poderemos identificar se um indivíduo é letrado ou não.
Inicia nos falando de como surgiu a palavra letramento no Brasil. Isso foi com a autora Mary Kato em 1986 em seu livro “No mundo da escrita: uma perspectiva psicolingüística”, sendo posteriormente usada em outros diversos livros, a maioria de educação. Mas nos faz um questionamento: “Mas por quê e para quê”...
tracking img