Resenha do filme "the corporation"

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1274 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Estadual do Centro-Oeste- UNICENTRO

Suélen Pontes Machado

Relatório
The Corporation

Guarapuava-PR
Maio,2011

Suélen Pontes Machado

Relatório
The Corporation

Trabalho a ser apresentado ao Curso de secretariado Executivo da Universidade Estadual do Centro-Oeste UNICENTRO, com quesito para obtenção de nota parcial, para avaliação do rendimento acadêmico, nadisciplina de Fundamentos de Responsabilidade Social e Profissional em Secretariado Executivo.
Prof a Mábia Camargo

Guarapuava-PR
Maio, 2011
Relatório
The Corporation

O documentário “The Corporation” investiga o que em 150 anos atrás estava apenas engatinhando, e hoje representa um valor inestimável a sociedade, entretanto na visão de mundo e responsabilidade social as empresas tornam-severdadeiros donos de seus territórios deixando a sociedade totalmente alheia ao que acontece dentro delas, o impacto que elas produzem não é apenas ao ambiente em que vivemos e sim na nossa cultura, saúde e modo de viver. As pessoas comportam-se como marionetes subordinadas por algo chamado Corporação.
The Corporation foi realizado por um grupo de jornalistas canadenses em 2003 que expuseram seuspontos de vistas junto com tantos outros vindos de depoimentos do mundo todo, de diferentes pessoas que realmente sentiram na pele o impacto empresarial em suas vidas, repórteres investigativos, estudantes, professores, funcionários do mais insignificante ate ao chefe de departamentos... Todos de uma maneira ou outra contribuíram para o filme que foi dirigido por Mark Achbar, Jennifer Abbott e JoelBakan.
O mundo corporativo é responsável pelo movimento do planeta. As grandes empresas construíram o que chamamos de “globalização”, mas elas tomaram uma proporção, que acabam por interferir diretamente no modelo de vida de certa cidade ou país.
Elas são donas de um poder inesgotável, cujo usa o dinheiro como ferramenta para manipular não só as pessoas que realmente precisam de um salário mínimopara sobreviver, como passar por cima de leis que jamais poderiam ser violadas, colocando a vida do planeta em risco.
Embora a empresa seja irracional ela tem um nome e um número de identificação o CNPJ cujos são sustentados por um grupo de pessoas racionais, que possuem a capacidade de dirigir a índole da corporação. Entretanto, muitas das grandes empresas preferem deixar a ética profissionalde lado e ir em busca de seus objetivos e riquezas, usufruindo de fontes como, a mão de obra barata, exploração de menores, animais e humanos servem de cobaias de uma infinidade de produtos, recursos ambientais, a mídia como veículo de reconhecimento atingindo o publico infantil, e pior produzindo resíduos que são friamente depositados no meio ambiente sem tratamento algum.
Quando olha-se poroutro lado, vê-se as pessoas rodeadas por “propagandas”, sim elas são cúmplices das corporações, pois são donas do poder de persuasão, fazem com que as pessoas comam, vistam, tomem... Apenas o que lhe oferecem e nem mesmo saibam a origem das mesmas e quais as conseqüências
Embora a comunidade adulta represente uma sabedoria superior à infantil, os adultos são alienados da mesma maneira que ascrianças, pelas empresas que apenas pensam no lucro, as corporações criam um mundo de sonhos que as pessoas podem estar inseridas, desde que sejam compulsivos consumidores onde nunca estarão satisfeitos. Esse é o preço do status, e muitas pessoas consideram-se felizes por usufruir de uma cadeia capitalista.
Observe a imagem abaixo, acredita-se que ela representa nossa sociedade de maneira desesperadora.Quando vale uma vida para as corporações? Vale o quanto ela conseguir atingir essa criança para gerar lucros a empresa, e como ela consegue isso? É um processo que vem do comportamento de cada família, o veículo manipulador da sociedade esta dentro de suas casas, o site da Exacon Organização Contabil descreve em uma reportagem “A TV é igual uma vitrine, não só com uma gama de produtos de...
tracking img