Relatorio analises histologicas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2574 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RELATÓRIO DE TÉCNICA HISTOLÓGICA

Trabalho apresentado à Matéria
Análises Histológicas da Graduação
em Biomedicina da Universidade
Estadual de .LONDRINA
2010

ÍNDICE

1. INTRODUÇÃO 4
2. OBJETIVOS 6
3. MATERIAS E MÉTODOS 7
3.1 Sacrifício 7
3.2 Retirada dos Órgãos 7
3.3 Fixação 9
3.4 Diafanização 10
3.5 Inclusão 10
3.6 Taqueamento 11
3.7 Microtomia 11
3.8 Coloração 13
3.9 Desidratação e Montagem da Lâmina 14
4. ANÁLISES DAS LÂMINAS HISTOLÓGICAS 15
4.1 Coração: Músculo Estriado Cardíaco 15
5. ESFREGAÇO SANGUÍNEO17
6. CONCLUSÃO 18

1. INTRODUÇÃO

A Histologia é o estudo da estrutura do material biológico e das maneiras como os seus componentes se inter-relacionam, tanto estrutural quanto funcionalmente.
O estudo da histologia se iniciou com o desenvolvimento de microscópios simples e de técnicas para preparo de material biológico, tornando-o adequado para exame.
Os primeiros histologistasdescobriram muito sobre a estrutura do material biológico, estabelecendo a teoria celular da estrutura dos organismos vivos, onde a célula é a unidade básica da arquitetura da maioria dos materiais biológicos.
O conjunto de células com características morfológicas semelhantes foram descritas como tecido, tendo sido estes divididos em quatro tipos:

Tecido Epitelial: formado por células que revestemsuperfícies, cavidades corporais ou formam glândulas;
Tecido Conjuntivo: constituído por células e abundante matriz extracelular, com a função de preenchimento ou sustentação;
Tecido Muscular: constituído por células com propriedades contráteis;
Tecido Nervoso: constituído por células que formam o cérebro, medula nervosa e nervos.
Como grande parte dos tecidos não podem ser observados in vivo,para poder se analisar um corte de um tecido, é necessário passar por várias técnicas histológicas para poderem ser observados. Os tecidos são submetidos a processos de fixação para manter sua estrutura morfológica seja preservada.
Para evitar a autólise ou a degeneração por bactérias decompositoras do tecido, deve-se empregar substâncias que mantenham a estrutura do material a ser estudado.Esse método se denomina fixação.
A visualização do material é feita através da luz que passa pelo tecido, por isso a espessura do corte deve ser mínima, para poder ser bem visualizado. Para obtenção desses cortes, o micrômetro é utilizado, pois possibilita esses cortes finos.
O processo de corte pode prejudicar o tecido por isso,o tecido é desidratado e diafanizado e em seguida, para que o tecidosuporte ao corte, incluído em parafina ou resinas. Esse processo é denominado impregnação.
Os processos histoquímicos de coloração permitem a observação dos componentes dos tecidos devido ao contraste que produzem ao ligarem-se distintamente a eles.
Princípios da histoquímica: o princípio básico da histoquímica é a localização de determinados compostos químicos a partir de técnicasde preparação. A observação da presença destes compostos nas células pode auxiliar muito na determinação das características celulares.
Para que os métodos histoquímicos obtenham sucesso, são necessários alguns requisitos básicos: o produto da reação histoquímica deve ser insolúvel e não-difusível, para que a determinação de sua localização seja precisa. Também é importante que ométodo utilizado seja específico para a substância ou grupo químico que está sendo analisado, para que não ocorram conclusões equivocadas.

2. OBJETIVOS

Descrever a preparação e produção de lâminas histológicas permanentes, a fim de serem observadas e estudadas no microscópio óptico, obtidas a partir de um aprendizado teórico-prático obtido durante as aulas de Análises Histológicas.

3....
tracking img