Referencias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (276 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Referências Bibliográficas:

BRASIL. Decreto nº 5.626, de 22 de dezembro de 2005. Regulamenta a Lei nº 10.436 de 24 de abril de 2002 e o artigo 18 da Lei nº 10.098,de 19 de dezembro de 2000, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 22 dez. 2005.BRASIL. Lei nº 10.436, de 24 de abril de 2002. Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS e dá outras providências. Diário oficial da União, Brasília, DF, 25 abril2002.

BRASIL. Lei nº 8.069, DE 13 DE JULHO DE 1990. Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências.


BRASIL. Lei nº 12.319, de 1ºde setembro de 2010. Regulamenta a profissão de Tradutor e Intérprete da Língua Brasileira de Sinais - LÍBRAS.

BRASIL. DECRETO No 3.298, DE 20 DE DEZEMBRO DE 1999.Regulamenta a Lei no 7.853, de 24 de outubro de 1989, dispõe sobre a Política as normas de proteção, e dá outras providências.
BRASIL. CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICAFEDERATIVA DO BRASIL - 1988. DOU DE 05/10/1988, P. 1 (ANEXO)
BRASIL. Proposta Curricular para Deficientes Auditivos: Elaboração pela Divisão de Educação e Reabilitação dosDistúrbios da Comunicação – Convênio CENESP – PREMEM. Brasília, MEC/Departamento de Documentação e Divulgação, 1979. Volume III 3ª série.

CORTELLA, Mario Sergio. A Escola eo Conhecimento: Fundamentos epistemológicos e políticos. São Paulo: Cortez: Instituto Paulo Freire, 2004.

Damázio, Mirlene Ferreira Macedo. Atendimento EducacionalEspecializado.Pessoa com Surdez. SEESP / SEED / MEC Brasília/DF – 2007.


FENEIS. Inclusão. Rio de Janeiro, RJ. Disponível em: . Acesso em 06/03/2012 às 20:15
tracking img