Reciclagem e meio ambiente

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3760 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE CATÓLICA DO TOCANTINS

CURSO DE TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL

ESTUDO DE CASO: GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS PROVENIENTES DO SETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO TOCANTINS WILSON GONÇALVES RAMOS NETO 1

Trabalho de Conclusão de Curso, apresentado para obtenção do grau de Tecnólogo em Gestão Ambiental da Faculdade Católica do Tocantins - FACTO. Acadêmico:Wilson Gonçalves Ramos Neto. Orientador: MSc. Flávio Augustus da Mota Pacheco. Co-Orientadora: Drª. Elizabeth Rodrigues Brito Ibrahim.

Palmas – TO 2009
1

Acadêmico do curso de Tecnologia em Gestão Ambiental da Faculdade Católica do Tocantins – FACTO. Contato: wgrneto@gmail.com.

FACUL ESTUDO DE CASO: GERENCIAMENTO DOS RESÍDUOS PROVENIENTES DO SETOR DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DA UNIVERSIDADEFEDERAL DO TOCANTINS Wilson Gonçalves Ramos Neto

RESUMO Este trabalho de conclusão de curso tem como principal objetivo caracterizar os procedimentos utilizados quanto o gerenciamento dos resíduos de informática provenientes do setor de tecnologia da informação da Universidade Federal do Tocantins, expondo e levantando potenciais problemáticas neste processo. Os resultados do trabalho levam areflexão no sentido de aprimoramento dos processos no que tange a conservação ambiental. Palavras-chave: caracterizar, tecnologia, informação.

ABSTRACT This conclusion of course work is to characterize the objective procedures used in the management of waste from the IT sector of information technology at the Federal University of Tocantins, exposing and raising potential issues in thisprocess. The results of the work leads to reflection to improve the processes with regard to environmental conservation. Keywords: characterization, technology, information.

Palmas – TO 2009

2

1. INTRODUÇÃO As causas dos problemas ambientais estão na tendência do homem a mecanização, no contínuo crescimento da população e na produção de alimentos (FELLENBERG, 2006). De acordo com a Organizaçãodas Nações Unidas – ONU (2009), até julho de 2009 a população mundial alcançará a marca dos 6.7 bilhões de habitantes e estudos prevêem que este valor aumente para 9.2 bilhões até 2050 causando grandes pressões no planeta. Pode-se afirmar hoje que o caminho à sustentabilidade dos sistemas antropocêntricos está intrinsecamente ligado ao desenvolvimento de novas tecnologias, e esta, amarradas àinformatização dos processos. Neste contexto surge o termo “tecnologia da informação – TI” que consiste no conjunto de atividades e soluções providas por recursos de computação (ALECRIM, 2004). No entanto, a exponencial popularização dos produtos tecnológicos vem caracterizando um grave problema ambiental, o lixo eletrônico ou resíduos de TI – RTI, assim chamados os resíduos provenientes daobsolescência cada vez mais precoce de equipamentos eletro-eletrônicos como computadores, celulares e televisores. De acordo com o CONAMA – Conselho Nacional do Meio Ambiente (2008) os RTI são classificados como perigosos por conter em sua composição substâncias físico/químicas prejudiciais a saúde humana tais como chumbo, cádmio e mercúrio. Além de metais nobres como ouro, prata e cobre. Fonseca (2008)aponta que atualmente o lixo eletrônico compõe 5% dos resíduos sólidos do mundo. Mattos (2001) aborda que por razões econômicas, grande parte destes resíduos gerados principalmente nos países industrializados passou a ser transportados para países em desenvolvimento, em especial para o continente Asiático, onde os custos para disposição final são expressivamente inferiores, transformando estes paísesem grandes depósitos de lixo tóxico. Surge então o fenômeno denominado “Mineração Urbana”, onde famílias inteiras trabalham na triagem destes materiais em condições sub-humana e em contato direto com substâncias tóxicas que podem levar a morte (ANDEUZA, 2008). Com o objetivo de normalizar a atividade e reduzir o assédio sofrido pelos países emergentes Mattos (2001) aponta que em março de 1988...
tracking img