Reciclagem de alimentos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3333 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Fundação Técnico-Educacional Souza Marques
Faculdades Souza Marques
Curso de Ciências Biológicas













RECICLAGEM DE ALIMENTOS, DESPERDÍCIO ZERO!





Bruna Pinheiro
Fábio Leandro
Gabriela Castro
Marcela de Oliveira
Sheila David
Taís Araújo








Projeto apresentado à disciplina de Prática Educativa VI
Professora Izabel Maria Ribeiro Côrtes2011/2




























“O direito à alimentação é
o mais importante dos direitos humanos”

Jacques Diouf – Diretor Geral da FAO
1 – INTRODUÇÃO
Alimentação é base da vida e dela depende o estado de saúde do ser humano. O desconhecimento dos princípios nutritivos do alimento, bem como o não aproveitamento, ocasiona o desperdício de toneladas derecursos alimentares.
O desperdício é um sério problema a ser resolvido, tanto na produção quanto na distribuição dos alimentos, em todos os países. O crescimento acelerado da população mundial, mesmo que amparado pelos avanços tecnológicos nos induz a afirmar que o desperdício de alimentos é uma atitude injustificável.
No passado, as pessoas tinham uma relação natural com o ambiente uma vez que amaioria residia no campo. As famílias conheciam as plantas venenosas, criavam pequenos animais e/ou cultivavam verduras, frutas, cereais e com base nessa ligação direta com as plantações, melhor se aproveitava os alimentos e as informações eram ensinadas de geração em geração.


1.1 - RECICLAGEM DE ALIMENTOS
Reciclar alimentos é uma alternativa barata e prazerosa, onde podemos encontrar saúdede uma forma econômica. Seguir uma alimentação balanceada e saudável, em geral, é complicado, visto que os indivíduos submetidos a uma intensa correria se submetem aos “prazeres” do Fast food e trazem consigo costumes e conceitos alimentares prejudiciais. No entanto, à medida que se conhece os alimentos e sua composição, tudo fica mais fácil.
Num mundo como de hoje, onde a economia caseira éimperativa, adoção de uma alimentação alternativa auxilia na redução dos gastos com comida. Entende-se por alimentação alternativa, o aproveitamento total dos alimentos.
O desperdício de alimentos no mundo é enorme. Isso também acontece no Brasil, talvez em maior intensidade que em outros países. O Brasil é um dos maiores produtores de frutas do mundo, mas quase a metade (cerca de 10 milhões detoneladas) da produção é perdida e as principais causas são os problemas de colheita, a falta de embalagens específicas, transporte e/ou conservação somado ao desperdício que ocorre no processo consumidor intermediário-consumidor final. Estima que a quantidade de frutas desperdiçada no país é equivalente a soma da produção dos países: Chile, Uruguai, Paraguai, Bolívia e Peru, juntos.
O desperdíciototal de alimentos no Brasil, não contando o que é desprezado pelas donas-de-casa, é de aproximadamente 9 bilhões de toneladas/ano. Acredita-se na alteração desse quadro através de ações educativas que promovam a reciclagem dos alimentos e a melhoria na qualidade de vida da população.
Como o problema a nível macroeconômico é de difícil solução por envolver diversas variáveis, estudos propõeminiciar esse tipo de processo educativo no ciclo básico das escolas, sejam públicas ou não, principalmente na disciplina de Ciências, porém é sugerido que haja uma integração de todas as disciplinas voltadas para o problema. Um dos fatores que facilita a transmissão dos conceitos é o fato dos alunos ainda não terem se apropriado dos tabus e hábitos alimentares inadequados e também são acessíveis amudanças. Além disso, irão agir como promotores multiplicadores do conhecimento adquirido, informando aos pais.

1.2 - EDUCAÇÃO AMBIENTAL
As diversas formas de vida existentes são reserva da carga genética selecionada através de mutações em seus ancestrais. Logo, enquanto forem preservadas as condições ambientais, a vida tem condições de continuar.
À medida que o conhecimento avança em...
tracking img