Reatividade dos metais

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1036 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE METODISTA DE PIRACICABA
FACULDADE DE ENGENHARIA, ARQUITETURA E URBANISMO – FEAU


Grupo 5
Davi Carlos da Silveira
Fernando de Oliveira Neto
Pedro Unamuzaga
Raul Marchiori
Willian Largueza

Reatividade dos Metais
Prof. José Carlos Silva

Santa Bárbara D’Oeste
2013
OBJETIVOS

Comprovar experimentalmente, que as reações de deslocamento entre metaisocorrem segundo a fila de reatividade química ou a tabela de potenciais de oxirredução.

INTRODUÇÃO

Os metais que têm maior tendência de ceder elétrons são mais reativos e aparecem no início da fila de reatividade dos metais. Os metais menos reativos, com menor tendência de ceder, aparecem no final da fila. Os metais reativos doam elétrons para os menos reativos espontaneamente, estabelecendoassim, as reações espontâneas. Quando ocorre o inverso, ou seja, um metal menos reativo cede elétrons para um metal mais reativo, constitui-se uma reação não espontânea.
Podemos organizar os metais numa fila de reatividade ou menor nobreza onde os mais reativos aparecem no lado direito e os mais nobres no esquerdo, a série ou fila de reatividade também organiza os elementos com sua capacidade dese oxidar, quanto mais reativo maior sua capacidade de oxidar-se.

MATERIAIS E REAGENTES UTILIZADOS

* 15 tubos de ensaio;
* 01 estante para tubos;
* 04 pipetas de 10 ml;
* 01 pera;
* Solução a 10% de ácido clorídrico HCl;
* Solução a 10% de sulfato de cobre CuSO4.5H2O;
* Solução a 2% de nitrato de prata AgNO3;
* Solução a 10% de cloreto de sódio NaCl;
*Solução a 5% de cloreto de sódio NaCl;
* Solução a 5% de sulfato de magnésio MgSO4;
* Magnésio, Mg, metálico em aparas ou em fita;
* Alumínio, Al, metálico em aparas;
* Zinco, Zn, metálico em fragmentos ou em pregos;
* Cobre, Cu, metálico em fragmentos.

PROCEDIMENTO EXPERIMENTAL

Acido Clorídrico com Magnésio
Adicionar 10 ml de ácido clorídrico no tubo com aparas de magnésio.Acido Clorídrico com Alumínio
Adicionar 10 ml de ácido clorídrico no tubo com alumínio pulverizado.

Acido Clorídrico com Zinco
Adicionar 10 ml de ácido clorídrico no tubo com zinco pulverizado.

Acido Clorídrico com Ferro
Adicionar 10 ml de ácido clorídrico no tubo com ferro pulverizado.

Acido Clorídrico com Cobre
Adicionar 10 ml de ácido clorídrico no tubo de fragmentos de cobre.Sulfato de Cobre com Zinco
Adicionar 10 ml de solução de sulfato de cobre penta-hidratado a 10% num tubo de ensaio com zinco pulverizado. Espere um ou dois minutos. Não agite o tubo e deixe em repouso.

Sulfato de Cobre com Magnésio
Adicionar 10 ml de solução de sulfato de cobre em um tubo de ensaio com aparas de magnésio. Espere um ou dois minutos. Não agite e depois deixe em repouso.Sulfato de Magnésio com Cobre
Colocar uma solução de sulfato de magnésio a 5% em um tubo de ensaio com fragmentos de cobre. Não agite e deixe em repouso.

Cloreto de Sódio com Cobre
Adicionar 10 ml de uma solução de cloreto de sódio a 5% em um tubo de ensaio contendo fragmentos de cobre.

Cloreto de Sódio com Alumínio
Adicionar 10 ml de solução de cloreto de sódio a 10% em um tubo de ensaiocontendo alumínio pulverizado.

Nitrato de Prata com Magnésio
Adicionar 10 ml de solução de nitrato de prata a 10% em um tubo de ensaio contendo aparas de magnésio. Não agite.

Nitrato de Prata com Zinco
Adicionar 10 ml de solução de nitrato de prata em um tubo de ensaio contendo apara de zinco. Não agite.

RESULTADOS

Acido Clorídrico com Magnésio
Quando o acido clorídrico e o magnésio seencontram, observa-se a liberação de um gás, o hidrogênio. Houve aquecimento no tubo.
Reação:
Mgs+2HCl(aq) →H2(g)+ MgCl2(aq)

Acido Clorídrico com Alumínio
Quando o acido clorídrico e o alumínio se encontram, observa-se a liberação de hidrogênio. Houve aquecimento no tubo.
Reação:
2Al(s)+6HCl(l) →2AlCl3(l)+3H2(g)

Acido Clorídrico com Zinco
O zinco (em estado pó) ao ser colocado em...
tracking img