Radiologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6238 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de setembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO

A história dos raios X é mais antiga do que a data de sua descoberta que foi em 1895. Muitos tiveram a oportunidade de serem agraciados com o título de descobridor dos raios X. Porém apenas um homem conseguiu decifrar o enigma dos raios, seu nome, Wilhelm Conrad Roentgen. Após essa importante descoberta abriram-se as portas para que outras formas de se estudar o corpo humano fossemdesenvolvidas. O casal Curie foi essencial para o desenvolvimento da radioterapia. O ultra som foi muito usado durante a primeira e segunda guerras mundiais. A medicina nuclear dava seus primeiros passos no ano de 1923 quando Havesy utilizou pela primeira vez, um traçador natural em uma exploração biológica. Quando Godfrey Newbold Hounsfield decidiu acoplar um computador a cristais sensíveis aradiação para construir imagens do interior do corpo, estava se criando a tomografia computadorizada. No fim da década de 30 foram usadas ondas de radio de baixa freqüência juntamente com campo magnético muito forte, mas sem radiação ionizante, e estava criada a ressonância magnética.
Muitos anos se passaram e cada técnica foi se aprimorando em novas descobertas, nos dias atuais temos muitas novidadesque permitem que cada estudo se aperfeiçoe mais.

1. DESCOBERTA DOS RAIOS X

1.1 Quem foi Wilhelm Conrad Roentgen

Wilhelm Conrad Roentgen, nasceu 27 de março de 1845, em Lennen, na Província do Baixo Reno, na Alemanha. Era o único filho de um fabricante e comerciante de roupas. Ingressou na Universidade de Utrecht em 1865, para estudar física. Em 1969, obteve o doutorado naUniversidade de Zurich e foi indicado assistente do Professor Kundt, acompanhando-o para Wurzburg no mesmo ano. Em 1874, qualificou-se como conferencista na Universidade de Strasbourg; em 1875, foi indicado Professor na Academia de Agricultura Hohenheim, Wurtemberg. Em 1888, aceitou convite da Universidade de Wurzburg, onde sucedeu o Professor Kohlrausch. Em 1900, já famoso pela sua descoberta, aceitouconvite da Universidade de Munich, por nomeação especial do governo da Bávaria, como sucessor do Prof. Lommel. Ali permaneceu pelo resto da sua vida, embora lhe tenham sido oferecidas diversas e importantes posições no mundo cientifica da Alemanha.[2]
O primeiro trabalha de Roentgen foi publicado em 1870, tratando de aquecimento específico de gases, seguido alguns anos após por um artigo sobrecondutividade térmica dos cristais. Entre outros assuntos, estudou as características elétricas do quartzo, a influência da pressão sobre os índices refratários de vários fluidos, a modificação dos planos da luz polarizada por influência eletromagnética, as variações das funções da temperatura e a compressibilidade da água e outros fluidos e os fenômenos relacionados com a dispersão de gotas de óleona água.
Roentgen foi essencialmente um físico experimental, dedicado ao estudo quantitativo de fenômenos delicados. Investigou eletricidade em cristais, efeito Kerr, propriedades elásticas da borracha, efeitos de pressão na viscosidade de líquidos, e muitos outros fenômenos - especialmente estudos sobre influência de altas pressões em várias propriedades de líquidos e cristais. Foi emWurzburg que Roentgen descobriu os raios x no final de 1895, aos 50 anos de idade. Em 1901 ele recebeu o primeiro prêmio Nobel em física por esta descoberta. Dos quase 60 trabalhos que publicou durante a sua vida, apenas três curtos artigos foram dedicados aos raios x. Em 1921, Roentgen publicou seu último trabalho – um imenso artigo de 195 páginas sobre fotocondutividade. Roentgen faleceu em Munique nodia 10 de fevereiro de 1923, de tumor maligno no intestino. [1]


Fig. 1 Wilhelm Conrad Roentgen [1]


Fig. 1.2 Laboratório de Roentgen [17]
1.2 História da Descoberta dos Raios X
O tubo catódico, inventado por...
tracking img