Radiologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 30 (7489 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
RELATÓRIO DE ESTÁGIO
TÉCNICO DE RADIOLOGIA



IDENTIFICAÇÃO:
|Aluna:Suellen Pereira |Matrícula: |
|Curso: Radiologia | |


ESTÁGIO:
||Carga hor/sem: 600 horas |
|Local: Clinitrauma Ortopedia e Traumatologia |Responsável pelo setor: Abel da Silva Carneiro |
|Hospital Nossa Senhora dos Prazeres | |
|Centro – Lages SC ||

Descrever brevemente as atividades desenvolvidas no setor:

São varias atividades desenvolvidas no setor de raio-x, desde o agendamento até os laudos dos exames, seguindo uma rotina .
Depois de marcado o exame o paciente aguarda na recepção até ser chamado para a realização do mesmo e logo mais as radiografias são levadas para osmédicos Radiologistas que lauda os exames realizados pelos técnicos, depois são levados para a digitação onde são laudados e arquivados para entregar aos pacientes.

Exames realizados no setor são:
• Raio-x Convencional
• Raio-x Contrastado


Exames e procedimentos mais realizados:

• Tórax
• Colunas (lombar, dorsal, cervical)
• Seios da Face
•Cavum
• Joelhos
• Mãos
Coluna lombar:
AP ou (PA)
Oblíquas, 320
Lateral, 321
Lateral L5-S 1, 322
AP axial L5-S 1, 323


Posicionamento Radiográfico Rotina para escoliose:

PA (AP), 324
Lateral ortostática, 325
AP (método de Ferguson), 326
AP (PA) com inclinação para a D e para a E,327
Rotina para fusão vertebral:
AP (PA) com inclinação à D ou à E, 327Lateral - hiperextensão e hiperflexão, 328
Sacro e cóccix:
AP axial do sacro, 329
AP axial do cóccix, 330
Lateral do sacro, 331
Lateral do cóccix, 332
Radiografias para crítica, 333

LOMBAR, SACRO E COCCIX
Sacro
o sacro é inferior às vértebras lombares.


FACE ANTERIOR DO SACRO

















FACE POSTERIOR DO SACRO




INCIDÊNCIA SÚPERO-INFERIOR (Fig. 9.10)Certas partes nessa radiografia de uma vértebra lombar individual feita a
partir de um esqueleto desarticulado são identifica das como a seguir:
A Processo espinhoso
B. Lâmina
C. Pedículo
D. Forame intelVertebral
E. Corpo
F. Processo transverso

POSiÇÃO LATERAL
As partes descritas de A até F na incidência lateral (Fig. 9.11) de uma
vértebra lombar desarticulada são as seguintes:
A. CorpoB. Incisura vertebral inferior, ou assoalho do pedículo, formando a
porção superior do forame intervertebral circular
C. Área da faceta articular do processo articular inferior
(a verdadeira faceta articular não é vista nessa incidência lateral);
forma as articulações interapofisárias quando as vértebras estão empilhadas
D. Processo espinhoso
E. Processo articular superior
F. Pedículo
Noteque essa incidência lateral "abriria" e evidenciaria bem o forame
intervertebral (a abertura circular maior diretamente abaixo de B, a
incisura vertebral inferior). No entanto, não mostraria as articulações
interapofisárias, que exigiriam uma incidência oblíqua a 45°.

INCIDÊNCIA AP
As estruturas individuais são mais difíceis de identificar quando as vértebras
estão sobrepostas pelas partesmoles do abdome, como se vê nessa
incidência AP da coluna lombar (Fig. 9.12). As estruturas identificadas
de A a Fusão:
A. Processo transverso de L5
B. Porção lateral inferior do corpo de L4
C. Parte inferior do processo espinhoso de L4, como visualizada de topo
D. Processo articular inferior de L3
E. Processo articular superior de L 4
F. Espaço do disco intelVertebral de L 1-L2
As...
tracking img