Racismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (268 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de janeiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A prática do racismo é considerada como crime imprescritível e inafiançável, sujeitando o discriminador à mais severa das penas privativas de liberdade – a reclusão. Além disso,a Constituição fixou a proibição de discriminação no trabalho, na educação, na liberdade de crença, no exercício dos direitos culturais ou de qualquer outro direito ou garantiafundamental. Embora essa legislação represente um avanço e um instrumento na luta para acabar com o preconceito racial, poucas são as pessoas punidas por comportamentospreconceituosos e racistas. Isso significa que esse instrumento, ainda que fundamental, é insuficiente para garantir aos negros e às demais minorias étnicas os direitos previstos naConstituição de 1988.

Essas leis ainda não conseguiram alcançar o necessário efeito prático porque o preconceito racial, ainda que não queiramos admitir, infelizmente encontra-searraigado na cultura brasileira. Daí a grande dificuldade de aplicação prática da lei, especialmente pelas deficiências na produção da prova. A prática do preceito racialapresenta-se de forma bastante sutil e quase sempre disfarçada com outras práticas igualmente criminosas, mas de muito difícil comprovação.

Conforme o capitalismo se estabelecia comosistema econômico, o racismo do período escravista foi assimilado, pois isso permitia aos exploradores aplicar níveis mais intensos de exploração sobre os negros, embora desde oinicio tivesse havido inúmeras formas de resistência. Assim, para acabar de vez com o racismo é preciso acabar também com o capitalismo e com toda forma de exploração do homempelo homem.

Somente uma sociedade que socializar os meios de produção sob o controle e a serviço da humanidade é que pode colocar um fim à exploração e à desigualdade social.
tracking img