Quimica

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2453 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
PROVA COM JUSTIFICATIVAS
FÍSICA
01. Um inseto de massa 1 g, voando com velocidade de
3 cm/s, tem energia cinética denotada por Einseto. Sabe-se que o acelerador de partículas LHC acelerará, a partir de 2009, prótons até uma energia ELHC = 7 × 1012 eV. Dado que as unidades de energia joule (J) e elétron-volt (eV) se relacionam através de 1 J ≅ 6,2 × 1018 eV, a ordem de grandeza da razãoELHC/Einseto é igual a: A) B) C) D) E) 10 12 10 108 0 10 10−2
18

Como a resistência do ar é desprezada, trata-se de um movimento vertical sob a ação apenas da aceleração da gravidade, a qual é constante para pontos próximos à superfície da Terra.

03. Dois carros, A e B, de comprimento 3 m, cada,
movem-se com velocidades constantes no mesmo sentido de uma estrada retilínea, em faixas paralelas.Num dado instante, a dianteira do carro A, de velocidade 80 km/h, está alinhada com a traseira do carro B, de velocidade 68 km/h. A partir desse instante, quanto tempo o carro A levará para ultrapassar completamente o carro B? A) B) C) D) E) 0,1 h 0,02 h 0,04 h 0,001 h 0,0005 h

Resposta: D Justificativa: A energia cinética do inseto vale Einseto = mv2/2 = 4,5 × 12 10 J, a qual, em unidades de eV,corresponde a 12 eV. Assim, tem-se a razão Einseto ≅ 2,8 × 10 ELHC/Einseto = 2,5, cuja ordem de grandeza é de 100.

Resposta: E Justificativa: A distância relativa entre os carros, a ser percorrida para a completa ultrapassagem, é de 6 m = 0,006 km, a qual corresponde à soma dos comprimentos dos carros. A velocidade relativa constante entre os carros é de 80 – 68 = 12 km/h. Logo, o tempo paraultrapassagem será de 0,006 km/(12 km/h) = 0,0005 h.

02. Um estudante joga uma pedra verticalmente para cima
no instante t = 0. A pedra sobe até o instante t = 1 s e, em seguida, desce verticalmente, passando novamente pelo ponto de partida no instante t = 2 s. Desprezando a resistência do ar, assinale, a seguir, o gráfico que esboça o módulo da aceleração da pedra em função do tempo.
a

04.Um bloco de massa 1 kg encontra-se em repouso
sobre uma superfície horizontal (ver figura). Duas forças paralelas à superfície são aplicadas no bloco, com módulos F1 = 25 N e F2 = 20 N. Os coeficientes de atrito cinético e estático entre o bloco e a superfície valem, respectivamente, 0,3 e 0,8. Considerando a 2 aceleração da gravidade 10 m/s , qual o módulo, em newtons, da força de atritoatuando no bloco?

a
B)

A)
0 1 2 t (s)

0

1

2 t (s)

a
C) D)

a

F2

F1

g

0

1

2

t (s)

0

1

2

t (s)

a

E)
0 1 2 t (s)

A) B) C) D) E)

2 4 5 6 8

Resposta: A Justificativa:

Resposta: C Justificativa: A força de atrito tem de anular as outras forças horizontais para que o bloco se encontre em repouso. Logo, Fat = 25 – 20 = 5 N.

Carro A(antes da colisão) Carro B (antes da colisão)

Carros A + B (após a colisão)

05. Um carrinho de supermercado, de massa 20 kg,
encontra-se desacompanhado no alto de uma rampa, com velocidade de 1 m/s (ver figura). A aceleração da 2 gravidade vale 10 m/s . Qual a quantidade de energia do carrinho dissipada a partir desse instante pelas forças dissipativas (atritos, resistência do ar, etc.), demodo que, ao atingir o ponto mais baixo da rampa, a velocidade do carrinho se anula? Para efeito de cálculo, considere o carrinho como uma partícula material.

A) B) C) D) E)

(MA − MB)v/MA MAv/(MA + MB) MAv/(MA − MB) (MA + MB)v/(MA − MB) (MA + MB)v/MA

Resposta: E Justificativa: A conservação da quantidade de movimento implica na equação MAvA = (MA + MB)v, donde se pode concluir que, antesda colisão, vA = (MA + MB)v/MA.

07. Deseja-se construir um relógio de pêndulo com um
g H=2m
pêndulo simples, constituído por um fio ideal de massa desprezível com uma de suas extremidades presa no teto e uma partícula material no seu outro extremo. Considerando a aceleração da gravidade 10 m/s2 e desprezando os atritos, qual o tamanho aproximado do fio do pêndulo para que ele realize...
tracking img