Psicologia organizacional

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2626 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]


SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO



















































































SUMÁRIO


1 INTRODUÇÃO 03
2 DESENVOLVIMENTO 04
3 CONCLUSÃO 05REFERÊNCIAS......................................................................................................... 06
INTRODUÇÃO



A Psicologia Organizacional é usada como ferramenta indispensável na área de recursos humanos para aqueles que lidam com questões como liderança, motivação, formação de equipes, seleção e desenvolvimento de pessoas entre outras.
Conciliar características de pessoas e grupos aos requisitos das tarefas constitui um campo
inesgotável para a Psicologia aplicada à Gestão:Há trabalhos caracterizados pela constante presença de novos desafios, aos quais as pessoas submetem-se - querendo ou não - e a eles reagem de variadas maneiras. Nessas situações, busca-se vencer o medo do desconhecido;
outras atividades impõem rígida rotina, segundo padrões estabelecidos e pouco sujeitos a
alterações, para assegurar precisão e produtividade, não tolerando desvios aosprocedimentos
fixados.
Nestes casos, a Psicologia contribui com técnicas de enriquecimento do trabalho, possibilitando às pessoas, dentro de certos limites, desenvolver a criatividade e ou aumentar a
capacidade de conviver com períodos de monotonia; o conflito interpessoal emerge a qualquer momento em algumas atividades; técnicas comportamentais e cognitivas contribuem para tornar os profissionais menossensíveis a essas situações e com mais habilidades para gerenciá-las.



DESENVOLVIMENTO





Os temas liderança e motivação encontram-se entre os mais estudados em Psicologia Organizacional. Na busca de obter resultados por intermédio de pessoas, o gestor convive com a missão de liderar pessoas. A Psicologia Organizacional ajuda a entender e a delinear o papel do líder dentro de suaequipe. No estudo da motivação, a psicologia trouxe, igualmente, notáveis contribuições no sentido de otimizar a produção, incentivando o trabalhador. Conceitos:

• Motivação: conceito e pelo menos dois modelos possíveis de serem utilizados.
É difícil definir exatamente o conceito de motivação, uma vez que este tem sido utilizado
com diferentes sentidos. De modo geral, motivação é tudo aquilo queimpulsiona a pessoa
a agir de determinada forma ou, pelo menos, que dá origem a uma propensão a um comportamento específico, podendo este impulso à ação ser provocado por um estímulo externo (provindo do ambiente) ou também ser gerado internamente nos processos mentais
do indivíduo.
O reconhecimento dos funcionários pela empresa é uma atividade de motivação importante porque torna sólido ocomportamento desejado para a obtenção de resultados imprescindíveis para a empresa. Promove também uma interação maior entre os objetivos individuais e organizacionais, com tendências a uma valorização da cultura organizacional por parte dos empregados. Cada empresa tem a sua maneira de reconhecer seus funcionários e isso está diretamente ligado à própria cultura da empresa. Existem algumasatividades prévias que tornam um reconhecimento efetivo, dentre elas: saber as recompensas esperadas por cada empregado, conscientizá-los do rendimento que espera de cada um, ter certeza de que o nível de desempenho desejado é possível.


• Estresse: conceito e gerenciamento.
Stress é uma resposta psicofisiológica natural que o organismo ativa para garantir sua subsistência diante de um estímuloameaçador. É um mecanismo que mobiliza recursos físicos para “fugir ou lutar” quando existe uma situação que ameace a homeostase (manutenção das condições constantes do meio interno). Basicamente, coloca o organismo à disposição da adaptação, buscando adequar o seu desempenho mental, físico e visceral. Os estímulos estressores podem ser inerentemente negativos, como na presença de dor, fome, ameaça...
tracking img