Projeto pericia forense

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1115 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO


1 INTRODUÇÃO 4
2 JUSTIFICATIVA 5
3 OBJETIVOS 6
3.1 GERAL.................................................................................................................................6
3.2 ESPECIFICOS:.....................................................................................................................6
4 REFERENCIAL TEÓRICO 6
5 METODOLOGIA 8
6 CRONOGRAMA 8REFERÊNCIAS 8





























1 INTRODUÇÃO

A popularização mundial da Internet, que ocorreu nos anos 90, devido à criação do serviço de World Wide Web (WWW), por Tim Berners-Lee (1989), permitiu que usuários espalhados pelo mundo pudessem trocar dados e informações em poucos milissegundos, permitindo maior velocidade e rapidez na comunicação entremáquinas e, consequentemente, entre as pessoas.
Assim como em qualquer outro campo de estudo, a inovação tecnológica traz uma série de benefícios para as pessoas e a comunidade em geral. Todavia, com as vantagens, traz também a possibilidade de realização de novas práticas ilegais e criminosas.
Computação Forense é a ciência que trata do exame, analise e investigação de um incidente computacional,ou seja, que envolvam a computação como meio, sob a ótica forense, senda ela cível ou penal. Na criminalística a computação forense trata o incidente computacional na esfera penal, determinando causas, meio, autoria e consequências.
Nos últimos anos a segurança na tecnologia tem deixado muito a desejar, através da analise forense podem levantar evidências que contam a historia do fato, Quando?Porque? Onde? Como?
Através da análise permite o rastreamento, identificação e comprovação da autoria de ações não autorizadas, auxilia em investigações que apuram desde violações de normas internas a crimes eletrônicos.
Análise Forense Computacional estuda a aquisição, preservação, identificação, extração, recuperação e analise de dados em formato eletrônico e produz informações diretas e nãointerpretativas.




2 JUSTIFICATIVA

A cada ano que passa a quantidade de crimes aumenta de forma assustadora. E a tecnológica que facilitou a vida de todos em varias tarefas, também ajudou no cometimento ou no armazenamento de dados destes crimes.
Uns dos primeiro registro de crimes digitais ocorreram em fraude na contabilidade bancaria, cometidas por funcionários responsáveis pela área detecnologia da instituição, fraude também contra o governo invasão em dados sigilosos e fraude contra o usuário.
Hoje em dia ocorrem crimes virtuais todos os dias, invasão em sites do governo, bancos, sites de empresas privadas, invasão em contas bancarias tudo utilizando o computador e além de todos esses crimes, existe os crimes fiscais o uso do computador para sonegar impostos, compra devotos, trafico de entorpecentes, falsificação de documentos, pedofilia e outros.
Um exemplo é quando se instala um programa de roubo de dados bancários no computador de um usuário. Tal programa pode obter senhas de acesso à Internet Bankings e de cartões bancários de forma indevida. Essa forma de crime somente é possível devido à utilização de computadores.
Diante de tantas ocorrências, surgiu anecessidade da criação de delegacias especializadas e a demanda por peritos especializados na área de informática. Profissionais que utilizam também da tecnologia para buscar provas e encontrar esses criminosos virtuais, através de exames forense vão analisar esses computadores utilizados para auxiliar o crime e encontrar excelentes prova técnica, e os laudos produzidos tornam-se peças fundamentaispara o convencimento do juiz na elaboração da sentença.
A sonegação fiscal, por exemplo, existe, se uma empresa utiliza um sistema de informação para emitir notas fiscais frias ou se a expedição ocorre de forma manual. O mesmo acontece quando um documento é falsificado por meio de um editor de imagens ou é adulterado com o uso de uma caneta esferográfica.
No entanto, o problema é a falta de...
tracking img