Projeto fx- 2

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1526 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Projeto FX- 2
O Projeto FX-2 substituiu o projeto FX (pouco ambicioso), de reequipamento e modernização da Força Aérea Brasileira. O projeto foi remodelado e o governo do Brasil anunciou um projeto mais complexo, o FX-2, visando à compra de uma aeronave de superioridade aérea. Enquanto o projeto FX projetava gastos de US$ 700 milhões, o FX-2 prevê gastos da ordem de US$ 2,2 a US$ 3 bilhões, masexige transferência completa de tecnologia, e mais recentemente passou a incluir o direito de produção sob licença da aeronave no Brasil e de exportação para o mercado sul-americano. Devido à repercussão desta licitação que pode incluir a aquisição posterior de mais aeronaves do mesmo modelo que vencer a concorrência, esta tem sido considerada a mais importante aquisição de aeronaves militar jáfeita pelo Brasil.
Várias empresas aéreas chegaram a oferecer propostas para participar da concorrência do "FX-2":
* Su-35 Super Flanker, da Sukhoi (Rússia)
* Rafale F3, da Dassault (França)
* JAS-39 Gripen NG, da Saab - BAE (Suécia)
* F/A-18E/F Super Hornet, da Boeing (EUA)
* F-35 Lightning II, da Lockheed Martin (EUA)
* Eurofighter Typhoon EF-2000 Typhoon, do consórcioEurofighter.
O projeto FX-2 não envolve apenas a compra dos aviões. No dia 11 de setembro, a FAB emitiu um esclarecimento sobre o Projeto, detalhando os pontos relevantes na avaliação das propostas recebidas.

As cinco áreas prioritárias de avaliação são:
1. Transferência de tecnologia: para fabricação de aeronaves caça no Brasil;
2. Domínio do sistema de armas pelo Brasil;
3. Acordosde compensação e participação da indústria nacional;
4. Técnico-operacional: manutenção;
5. Comercial: fabricar e comercializar com outros países.
Os finalistas e suas propostas
Os três finalistas na concorrência foram:
* JAS-39 Gripen – Suécia;
* Boeing F/A-18EF Super Hornet – Estado Unidos;
* Dassault Rafale F3– França.

Dassault Rafale F3

Em sua proposta inicial, aDassault oferecia além da transferência de tecnologia e da implantação de uma linha de montagem em parceria com a Embraer e outras 10 empresas brasileiras, um custo de manutenção para os Rafales equivalente ao dos Mirage 2000 já adquiridos pela FAB. Eric Trappier, presidente da Rafale Internacional, prometeu que os aviões comprados seriam entregues em, no máximo, três anos e que a tecnologia do caçaseria transferida a pelo menos uma dezena de empresas brasileiras que são parceiras da Rafale Internacional. Seriam produzidos no Brasil, inicialmente, as asas (pela Embraer), os componentes eletrônicos do radar de última geração e as peças de manutenção dos motores. Outros componentes necessários às adaptações exigidas pela FAB viriam a ser produzidos no Brasil também. No jornal O Globo, foinoticiado que a Dassault estava disposta a transferir a tecnologia do Rafale irrestritamente, incluindo os códigos-fonte do avião. Pesa também na escolha o fato de o governo da Índia (outro mercado emergente) ter optado no fim de janeiro, pela fabricante francesa para a compra de 126 caças, numa licitação de US$ 12 bilhões, que começou em 2007.

F/A-18E/F Super Hornet
No dia 30 de Setembro, aBoeing liberou um documento detalhando o seu programa de transferência de tecnologia oferecido para o Brasil. O pacote oferecido pela Boeing cobre as tecnologias empregadas no Super Hornet, tecnologias estratégicas para o Brasil no que diz respeito à autonomia nacional e tecnologias capazes de impulsionar o desenvolvimento econômico brasileiro. Além de garantir o acesso as tecnologias já existentes nocaça, o acordo também inclui a modernização da integração de sensores AESA, FLIR e sistemas de designação de alvos, modernização dos sistemas de comunicação e de rede e a possibilidade de integração de novas armas.

JAS-39 Gripen NG
Na área de projeto, a Saab propõe um compartilhamento no desenvolvimento do avião. As capacidades essenciais a serem compartilhadas pelas equipes do Brasil e da...
tracking img