PROJETO DE LEITURA

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1083 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de novembro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
 ESCOLA MUNICIPAL DONATILA SANTANA LOPES
PLANEJAMENTO EDUCACIONAL PARA A EDUCAÇÃO INFANTIL 4 E 5 ANOS
PROJETO 1º SEMESTRE DE 2013

TEMA: UM OLHAR CRÍTICO SOBRE A ILHA DE MOSQUEIRO

SUB-TEMA: FRUTAS REGIONAIS, NACIONAIS E INTERNACIONAIS.


SITUAÇÃO PROBLEMA:

A ilha deMosqueiro insere-se em um contexto específico dentro da cidade de Belém. Configurando-se como um Distrito, o arquipélago compõe ao lado de outras ilhas
um amplo contexto de problemáticas como na educação, na saúde, no transporte, trabalho, lazer, acesso à água, saneamento básico, violência, ocupação desordenada, produção cultural, degradação ambiental entre outros.
A população localderiva de um fluxo migratório motivados por diversas razões, o que não implica necessariamente, em uma estrutura do espaço para receber tal crescimento. Ao mesmo tempo, Mosqueiro por ser um balneário, também enfrenta impactos de diversas ordens em função dos períodos de alta temporada.
Nos interessa abordar com este projeto, os desdobramentos destas problemáticas na construção de umaidentidade local ( ou construção de valores ) e o tipo de uso que essa população realmente faz de seus recursos.

JUSTIFICATIVA:

A importância de discutirmos tais questões dentro da escola se da em torno de uma reflexão necessária que todos podem e devem fazer em torno de seu cotidiano. Por influência da globalização por exemplo, as pessoas procuram a ilha em função de um ar maissaudável, de uma vida mais tranquila, principalmente para aqueles, que já possui uma aposentadoria, pensão entre outros. Por outro lado os aspectos negativos da globalização forçam os pequenos comerciantes a procurar outras ocupações e grande parte destes vão para o serviço público. Os terrenos de grandes extensões, onde as pessoas dispunham de muitas frutas e as crianças se divertiam comendo-as com ou semo consentimento do proprietário, foral loteados por necessidade de venda ou mais um filho ou parente necessita de um lote para construir um lugar pra ficar. Esta realidade proporciona um novo comportamento alimentar, ou seja, as frutas que estavam tão próximas foram parar nos supermercados que quase sempre oferecem frutas desconhecidas, nacionalizadas ou internacionalizadas, em detrimento dasregionalizadas.

OBJETIVO ESPECIFICO:

Proporcionar Discussões a respeito do modo de vida dos alunos e os reflexos que esta realidade condicionam no seu cotidiano dentro e fora da escola.
.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

Verificar de que forma é feita e oferecida a alimentação em casa;
Discutir sobre as características dos vários tipos de moradia;
Investigar que tipos de frutasainda existem na casa dos alunos;
Comparar a qualidade e os aspectos das frutas regionais, nacionais e outras;
Identificar quais as formas de trabalho e quais os meios de transporte se utiliza para o deslocamento;
Reconhecer o direito dos trabalhadores em educação como instrumento de viabilidade dentro da escola para mediar as discussões sobre o tema

METODOLOGIA:

1ª Atividade (Sensibilização ) Rodinha

__ Debate sobre a alimentação das crianças:

Começar a atividade com a apreciação da palavra “ Mosqueiro ”
(apresentação) construir uma lista com tudo o que tem em Mosqueiro ( perguntar para as crianças )
Investigar sobre quais frutas ainda existe no quintal da casa dos alunos ( os alunos deverão relatar e desenhar )
Trabalhar cores, formas,textura
Escrever o nome da fruta desenhada pelo aluno
Fazer um bingo com o nome das frutas

__ Coversar a respeito da alimentação:

O que costumam comer
Quantas refeições fazem
Qual a fruta predileta
Fazer um gráfico

2ª atividades aprofundamento

__ Leitura do Poema Baile das frutas ( Jaime Resende Marquito )
__ Pesquisa com as famílias das...