Projeto brincando com ivan cruz - arte-educação para a educação infantil

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1308 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O projeto teve como tema o brincar e as brincadeiras de crianças a partir das obras de Ivan Cruz. Sendo a Escola um centro de educação infantil, nos apoiamos em Cola para fazer essa proposta:
Brincar é um fenômeno que existe em todos os cantos
e tempos do universo.
Justificado pela iminência das férias de julho, quando as crianças poderão sentir-se motivadas a buscar novas diversões a partirde antigas brincadeiras.Os objetivos principais referiam-se a questão da leitura de imagens, educação do olhar e o resgate, de forma lúdica e artística, apoiados nas propostas de Ivan Cruz, das brincadeiras e da cultura do brincar, que estão sendo esquecidas na sociedade técnico-urbana dos dias atuais.
Devido ao tempo reduzido que tivemos, nos aproximávamos da segunda semana de julho e, portanto,da Mostra de Conhecimentos e das férias, desenvolvemos a oficina em uma única manhã.
É necessário destacar que, embora tenhamos adquirido no decorrer do curso algum conhecimento teórico da abordagem triangular, nós, estagiários, desenvolvemos nossas atividades profissionais distantes da sala de aula e a aplicação de uma proposta de leitura de imagem, contextualização e fazer artísticosignificou, antes de tudo, um desafio pessoal. Esta foi a nossa primeira experiência concreta nesse sentido e nossa maior dificuldade foi vencer a experiência pregressa de aprendizagem da arte do nosso percurso educacional pessoal para estarmos ali realizando algo que era novo também para nós.
No dia da realização da oficina, chegamos cedo à escola para receber os alunos. Começamos a interação com eles apartir dos jogos de encaixe que realizam como atividade no horário de entrada da escola.
Participamos da rodinha de conversa, quando então a professora nos apresentou como condutores daquela manhã. Para a introdução do tema, iniciamos as atividades contando a história “Amigos” de Helmer Heiner, que discorre sobre um grupo de amigos que passa o dia brincando e termina o dia sonhando combrincadeiras que fazem juntos.
Nesse momento, de forma bem participativa, conversamos com as crianças sobre as brincadeiras que fazem e sobre aquelas das quais mais gostam. As respostas foram bem variadas: pique, bola, Barbie, Mônica, Hot Wells. De imediato algo nos chamou a atenção: nas brincadeiras que eles desenvolvem fica explicita a influência da mídia, dos programas infantis e da sociedade de consumoque já renomeou brincadeiras clássicas, a exemplo Barbie é sinônimo de boneca e Hot Wells o é de carrinho. Nesse contexto percebemos que as obras de Ivan Cruz contrastariam com o conceito de brinquedos e brincadeiras daquelas crianças.
Na sequência, fizemos a primeira apreciação das obras observando cores, formas, texturas, linhas, identificando cada brincadeira na figura, o que estava na frentee o que estava atrás, analisamos os movimentos e o que estava acontecendo na obra, Procurando, na medida do possível e de forma lúdica, contextualizá-la com fatos reais e experiências das crianças. Foram interessantes as observações a respeito do fato das crianças retratadas estarem brincando na rua - lugar perigoso, “onde passa carro” ( observação feita por Andressa – 4 anos) – e de nãopossuírem rostos, fato que incomodou particularmente à professora Luzia que, a um certo ponto, disse que “talvez significa que podemos nos imaginar brincando”.


Figura 2: Brincadeiras de Criança – Ivan Cruz









Figura 3: Brincadeira de Roda – Ivan Cruz Figura 4: Amarelinha – Ivan Cruz









Figura 5: Barquinho de Papel – Ivan Cruz Figura 6: Aviãozinho de papel – IvanCruz
A partir dessas análises, partimos para a oficina de brincadeiras. Nos dirigimos ao pátio da escola para executarmos as atividades. Tal foi nossa surpresa quando uma das crianças identificou, no pátio, um marca desgastada de um caracol colorido e uma amarelinha, brincadeiras observadas numa das obras, que alguém, naquele local, já brincara, porém, até então, não mais utilizadas por aquelas...
tracking img