Prematuridade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3466 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
2 PREMATURIDADE




Segundo a literatura corrente, em 1860 Pierre Budin, obstetra de origem francesa, que é considerado o pai da Neonatologia e responsável por criar a primeira clinica para recém-nascidos (RN), adotou o método de pesagem aos RN, descobrindo assim a Prematuridade, conceito até hoje adotado.

Posteriormente em 1892, Dr. Budin caracterizou a prematuridade pelo RN que nãochegou à termo de gestação. (VALENTE & SILVA/2012)

Os chamados RN prematuros ou pré-termo, são aqueles que nascem antes de completar 37 semanas e com peso abaixo de 2.500 gramas, tornando-o mais vulnerável à determinadas enfermidades e mais sensíveis a fatores externos como a luz e os ruídos excessivos.

Neste sentido, a prematuridade, consoante estudo realizado por SALVADOR, pode serclassificada seguindo a idade gestacional da seguinte forma:



a) Prematuridades Limite: É assim considerado quando o RN nasce entre 37 e 38 semanas, sem grandes complicações

b) Prematuridade Moderada: É definida quando o bebê nasce entre 31 e 36 semanas

c) Prematuridade Extrema: Ocorre quando o RN nasce entre 24 e 30 semanas, os quais se encontram no limite da viabilidade,sobretudo os que tem menos de 27 semanas. (SALVADOR, 2006)









2.1 CAUSAS DA PREMATURIDADE





Estudos epidemiológicos apresentados por Vaz (1986) demonstraram os principais fatores de uma possível causa de gestação prematura. São eles:

• Idade da mãe (menores de 18 anos e maiores que 35 anos);

• Exposição a substâncias tóxicas (fumo, álcool e outrasdrogas);

• Estado Civil (stress e depressão ocasionados por um término do relacionamento);

• Ausência de assistência ao pré-natal (podendo ocorrer problemas ginecológicos, diabetes, hipertensão e a má formação do feto não detectadas).





2.2 CARACTERÍSTICAS DO RN PREMATURO





No que se refere ao aspecto físico de um RN prematuro, conforme afirma Cristina (2010),destacam-se como principais características, as seguintes:

• Pele fina, brilhante e rosada, podendo em alguns casos verem-se claramente as veias como uma rede.

• Pele por vezes coberta de penugem fina, lanugo (penugem que cobre o corpo do bebe) e pouco cabelo.

• Cabeça grande e desproporcional em relação ao corpo.

• Orelhas finas e moles;

• Cartilagemda orelha deficiente

• Músculos fracos e atividade física reduzida (ao contrário de um lactante a termo, lactante prematuro tende a não elevar os membros superiores e inferiores)

• Reflexos de sucção e deglutição fracos de inexistentes.

• Respiração irregular.

• Nas meninas os grandes lábios não cobrem os pequenos lábios;

• Nos meninos ostestículos não estão no saco escrotal;

• Rugas de bolsa escrotal-delicadas

• Unhas macias;

• Abdômen relativamente grande

• Tórax relativamente pequeno.





3 AVALIAÇÃO DO RN “TESTE APGAR”





Após o nascimento, é indispensável à avaliação cuidadosa das condições de saúde da criança, a fim de que eventuais problemas sejam detectados o mais cedopossível, tal avaliação é realizada pelo chamado “Teste Apgar”, aplicado um minuto após o nascimento e reaplicado 5 minutos depois. A comparação dos dois resultados mostrará, entre outras coisas, a capacidade de adaptação do bebê a experiência independente de vida

O teste de Apgar conforme pesquisa realizada pelo site Estação do bebê consiste na avaliação de 5 sinais: freqüência cardíaca, respiração,musculatura, reflexos e cor da pele. Cada item vale 2 pontos e um bebê com nota máxima alcançará 10 pontos. Na repetição do teste 5 minutos depois, o bebê que atingir 7 pontos é considerado em boas condições; 4 pontos ou menos indicam que sua adaptação deverá ser observada, com acompanhamento cuidadoso. Se o bebê é prematuro, receberá cuidados especiais na UTI neonatal, onde será colocado em...
tracking img