Pontos negativos e positivos na educação brasileira

A desigualdade social afeta diretamente um individuo em sua educação e em sua vida pessoal, onde cada ato define sua personalidade e sua vida posteriormente. A desigualdade e dificuldades que umapessoa pobre e negra enfrenta uma pessoa com recursos e uma boa situação financeira nunca irá sofrer.
Esses problemas com má distribuição e desigualdades não são problemas da modernidade, pois desde otempo da proclamação do nosso país, as diferenças foram implementadas já dividindo e acabando com qualquer tipo de melhora.
De acordo com GUIMARÃES- Iosef, Ranilce. Contexto social e político daeducação brasileira (2009 p-45)
“A proclamação da Independência do Brasil não trouxe os avanços necessários para a educação. A primeira Constituição, de 1824, apesar de contar com um artigo referente áeducação também deixa muito a desejar em termos de políticas educacionais: determina a instrução primaria gratuita para todos os cidadãos, porém, não assim considera os negros e os pobres.”
Como podemosobservar as desigualdades e falta de interesse para com os menos favorecidos, foi definida há bastante tempo, com políticas educacionais que deixam a desejar até os dias de hoje interferindo na vidasocial de cada individuo.
Outra questão que se refere à desigualdade social e á descriminação e o racismo que nasce devido a problemas de desigualdade, problemas esses que devem ser tratados com ointuito de amenizar a situação de tantos jovens brasileiros, pois devido à cor da pele e as condições financeiras, são levados mais a serio do que qualquer outro tipo de qualidade que o individuopossua. Segundo CANDAU E LEITE. Diálogos entre diferenças e educação. (2009, p- 163)
“Uma das questões fundamentais de serem trabalhadas no cotidiano escolar, na perspectiva da promoção de uma educaçãoatenta à diversidade cultural e à diferença, diz respeito ao combate á discriminação e ao preconceito, tão presentes na nossa sociedade e nas nossas escolas”.
Uma realidade também presente em nossa...