Polipropileno

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6702 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
PANORAMA DA INDÚSTRIA

Estrutura

A indústria petroquímica transforma subprodutos de petróleo ou gás natural em bens industriais e de consumo de amplo uso. Em termos gerais, a indústria petroquímica brasileira é organizada em três setores, cada um caracterizado pelo estágio de transformação das várias matérias primas: empresas de primeira geração, empresas de segunda geração e empresas deterceira geração.

Empresas de Primeira Geração

As empresas brasileiras de primeira geração, denominadas de “craqueadoras”, craqueam ou decompõem nafta, sua principal matéria prima, em petroquímicos básicos. Atualmente, as craqueadoras compram sua nafta, que é um subproduto do refino de petróleo, da Petrobras. Os petroquímicos básicos produzidos pelas craqueadoras incluem (i) olefinas,principalmente eteno, propeno e butadieno, e (ii) aromáticos, como benzeno, tolueno, e xilenos. A Braskem, Copesul - Companhia Petroquímica do Sul ("Copesul") e Petroquímica União ("PQU"), as três craqueadoras do Brasil, que operam em seus respectivos complexos, vendem estes petroquímicos básicos às empresas de segunda geração. Os petroquímicos básicos, na forma de gases ou líquidos, sãotransportados em sua grande maioria às empresas vizinhas de segunda geração por dutos, para processamento adicional.

Empresas de Segunda Geração

As empresas de segunda geração processam os petroquímicos básicos adquiridos das craqueadoras para produzir petroquímicos intermediários. Estes petroquímicos intermediários incluem, por exemplo: (i) polietileno, poliestireno e cloreto de polivinila ("PVC")(produzidos a partir do eteno), (ii) polipropileno e acrilonitrila (produzido a partir do propeno), (iii) caprolactama (do benzeno) e (iv) polibutadieno (do butadieno). Existem aproximadamente 47 empresas de segunda geração operando no Brasil. Os petroquímicos intermediários são produzidos em forma sólida como pellets de plástico ou pós e são comercialização a empresas de terceira geração.Empresas de Terceira Geração

As empresas de terceira geração, conhecidas como transformadoras, compram os petroquímicos intermediários das empresas de segunda geração e os transformam em produtos de uso final pelos consumidores, a exemplo de: (i) plásticos (de polietileno, polipropileno e PVC), (ii) fibras acrílicas (da acrilonitrila), (iii) náilon (da caprolactama) e (iv) elastômeros (dobutadieno). As empresas de terceira geração produzem uma variedade de bens industriais e de consumo, incluindo vasilhames e materiais de embalagem como sacolas, filmes e garrafas, têxteis, detergentes e tintas, bem como peças automotivas, brinquedos e bens eletrônicos de consumo. Existem mais de 4.500 empresas de terceira geração operando no Brasil.

Complexos Petroquímicos

A produção depetroquímicos de primeira e segunda gerações no Brasil é feita em três grandes complexos. Estes são o Complexo do Nordeste, o Complexo de São Paulo e o Complexo do Sul. Cada complexo tem uma só produtora de produtos de primeira geração, também denominada "central de matérias primas" (Braskem, PQU, e Copesul, respectivamente), e várias empresas de segunda geração que compram matéria prima dessescentrais.


O Complexo do Nordeste, ou o Pólo Petroquímico de Camaçari, localizado no Município do mesmo nome no Estado da Bahia, entrou em operação em 1978. O Complexo consiste de aproximadamente 22 empresas de segunda geração, situadas em volta da Braskem. A Braskem tem uma capacidade de produção de eteno de 1.200 mil toneladas por ano.


O Complexo de São Paulo, em Capuava, no Estado de SãoPaulo, foi estabelecido em 1972 e é o complexo petroquímico mais antigo do Brasil. A sua central de matérias primas, PQU, fornece petroquímicos de primeira geração a 15 empresas de segunda geração e tem uma capacidade de produção de eteno de 460 mil toneladas por ano.


O Complexo do Sul, localizado no Município de Triunfo, Estado de Rio Grande do Sul, está situado em torno da Copesul,...
tracking img