Policia militar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2587 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Policia Militar do MT


Policia Militar do Mato Grosso
É bastante conhecido o axioma de que a história da Polícia Militar se confunde com a própria história do Estado de Mato Grosso, portanto, entendemos que a cultura policial militar é apenas uma fração da cultura mato-grossense, esta sim, uma cultura completa na qual a Polícia Militar do Estado de Mato Grosso está inserida.
Para tanto,destacamos as palavras de Tavares (1993, p.58): “A cultura de uma organização não nasce com a sua fundação, ela é constituída ao longo do tempo, evolui com a história da organização e para que as pessoas se identifiquem com esta cultura é necessário a sua permanência na instituição por longo tempo.”
Passamos, então, a seguir, a relatar alguns acontecimentos que, ao longo do tempo, foram lapidando acultura do Estado de Mato Grosso e da Polícia Militar para que possamos melhor compreender ao dias atuais.
Foi com a fundação de Vila Bela da Santíssima Trindade, em 1.753, que a segurança pública em Mato Grosso começou a se revelar. Daí para cá a história da Polícia Militar passou por três fases, a saber:
1. Fase Colonial (1.753 a 1.835)
Com a recém criada Capitania de Mato Grosso, desmembradade São Paulo, Dom Antônio Rolim de Moura, 1º Governador, criou e organizou, em 1.753, a segurança pública na capital Vila Bela, com o nome de COMPANHIA DE ORDENANÇAS, com 80 (oitenta) homens. Dezesseis anos mais tarde (1.769), no governo do Capitão-General Luiz P. de Souza Coutinho, é transformada em FORÇA PÚBLICA, com o efetivo de 620 (seiscentos e vinte) homens, dos quais mais da metade daCompanhia de Ordenanças. A partir daí a segurança pública de então passou por várias situações no decorrer de 82 (oitenta e dois) anos, dos quais 70 (setenta) anos foram de Brasil-Colônia. Suas atividades limitavam-se, basicamente, à Vila Bela e Cuiabá.
Os principais acontecimentos desta fase foram:
a) PROCLAMAÇÃO DA INDEPENDÊNCIA – em 1.822; e
b) RUSGA – movimento nacionalista contra osportugueses, em 1.834, no qual a Força Pública participou sem vacilar.
2. Fase Provincial (1.835 a 1.891)
O início desta fase é marcado pela criação da Polícia Militar que, por meio da decretação da Lei n.º 30, de 05 de setembro de 1.835, cria o corpo policial com a denominação de HOMENS DO MATO. Nesta fase, a função da polícia era basicamente caçar escravos fugidos, daí o nome homens do mato, e atendiaaos interesses políticos do governo da época, sendo adotadas várias denominações como: CORPO MUNICIPAL PERMANENTE, GUARDA PROVISÓRIA DE SEGURANÇA, COMPANHIA DE PEDESTRES e SEÇÃO DE COMPANHIA DE FORÇA POLICIAL. Durante a Guerra do Paraguai passou a denominar-se VOLUNTÁRIOS DA PÁTRIA e esta fase finda com a denominação pós-Guerra, ou seja, COMPANHIA POLICIAL.
Os principais acontecimentos desta faseforam:
a) GUERRA DO PARAGUAI:
• Os VOLUNTÁRIOS DA PÁTRIA – em 1.864 Mato Grosso é invadido pelos paraguaios e a polícia e outras tropas existentes são transformadas em Voluntários da Pátria pelo então governador (presidente na época) José Vieira Couto Magalhães, a fim de oferecer resistência aos invasores de nossas fronteiras.
• A RETOMADA DE CORUMBÁ – a grande maioria dos Voluntários da Pátriamarcharam para o sul do Estado e retomaram, em 1.867, a cidade de Corumbá que estava nas mãos dos paraguaios. Cabe ressaltar que no retorno de Corumbá uma peste trazida de lá, denominada “Bexiga”, dizimou grande parte dos soldados e acabou contaminando milhares de cuiabanos e, por isso, a imprensa da época, de oposição como os jornais “O Cuiabano”, “A Situação” e especialmente o “Notícias sobre aProvíncia de Mato Grosso”, do português Joaquim Ferreira Moutinho, criticavam e culpavam o Governo e os Comandantes da Tropa.
• A CRIAÇÃO DE VÁRZEA GRANDE – uma pequena minoria de Voluntários da Pátria permaneceu em Cuiabá, os mais velhos e semi-inválidos, os quais, como precaução estratégica foram deslocados para a outra margem do Rio Cuiabá, onde foram armadas barracas junto a um grande...
tracking img