Pluto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 277 (69139 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
http://groups-beta.google.com/group/digitalsource

AGATHA CHRISTIE

A MANSÃO HOLLOW
Tradução de
VÂNIA DE ALMEIDA SALEK

5ª edição

EDITORA NOVA FRONTEIRA

Título original: THE HOLLOW © 1946 by Agatha Christie Mallowan Direitos adquiridos para a língua portuguesa, no Brasil, pela EDITORA NOVA FRONTEIRA S. A. Rua Maria Angélica, 168 — Lagoa — CEP: 22.461 — Tel.: 286-7822 EndereçoTelegráfico: NEOFRONT Rio de Janeiro — RJ Proibida a exportação para Portugal e países africanos de língua portuguesa.

Capa DULCE MARY Diagramação HELIO LINS Revisão JORGE AGUINALDO URANGA

FICHA CATALOGRÁFICA CIP-Brasil. Catalogação-na-fonte Sindicato Nacional dos Editores de Livros, RJ. Christie, Agatha, 1891-1976. A Mansão Hollow / Agatha Christie ; tradução de Vânia de Almeida Salek. — Rio deJaneiro : Nova Fronteira, 1980. (Coleção Agatha Christie) Tradução de: The Hollow 1. Ficção policial e de mistério (Literatura inglesa) I. Título.

C479m

80-0510

CDD-823.0872 CDU-820-312.4

Para Larry e Danae Desculpando-me por haver usado sua piscina como cena de um crime.

Capítulo Um
ÀS e treze minutos de uma manhã de sexta-feira, os grandes

SEIS HORAS

olhos azuis de LucyAngkatell abriram-se para mais um dia e, como sempre, logo estava bem acordada e imediatamente começou a tratar dos problemas evocados por sua mente incrivelmente ativa. Sentindo a necessidade urgente de uma consulta e conversa, e escolhendo para tal fim sua jovem prima, Midge Hardcastle, que chegara à Mansão Hollow na noite anterior, Lady Angkatell saiu depressa da cama, jogou um roupão sobre osombros ainda graciosos e atravessou o corredor em direção ao quarto de Midge. Sendo uma mulher de processos mentais desconcertantemente rápidos, Lady Angkatell, seguindo seu invariável costume, começou a conversa em sua própria cabeça, retirando as respostas de Midge de sua fértil imaginação. A conversa estava em pleno andamento quando Lady Angkatell escancarou a porta de Midge. — ... Sendo assim,querida, você há de convir que o fim de semana trará dificuldades! — Hein? Hum? — Midge grunhiu de modo inarticulado, acordada de forma abrupta de um sono reparador e profundo. Lady Angkatell caminhou até a janela, abrindo a persiana e levantando-a com um movimento brusco, o que permitiu a entrada da luz pálida de um amanhecer de setembro. — Passarinhos! — comentou ela, espiando com visívelprazer através da vidraça — Tão bonitinhos. — O quê? — Bem, de qualquer modo, o tempo não trará problemas. Parece que está firme. Já é alguma coisa. Porque um monte de personalidades destoantes ficar encaixotado dentro de casa, tenho certeza de que você concordará comigo que a coisa ficará dez vezes pior. Jogos de salão, talvez, o que ficaria igual ao ano passado, e eu jamais me perdoarei pelo que fizcom a pobre Gerda. Eu disse a Henry depois que foi muito

impensado de minha parte — e temos de recebê-la, é claro, pois seria extremamente grosseiro convidar John sem convidá-la, mas isso realmente dificulta as coisas — e o pior de tudo é que ela é tão boazinha — às vezes parece muito estranho mesmo que uma pessoa tão boazinha como Gerda possa ser tão destituída de qualquer espécie deinteligência, e, se é esse o significado da lei das compensações, não acho que seja uma lei justa. — Sobre o que você está falando, Lucy? — Sobre o fim de semana, querida. Sobre as pessoas que chegam amanhã. Pensei sobre isso a noite toda e estou um bocado preocupada. De forma que é um alívio conversar sobre o assunto com você, Midge. Você é sempre tão sensata e prática. — Lucy — disse Midge,repreensiva. — Você sabe que horas são? — Não ao certo, querida. Eu nunca sei. — São seis e quinze. — Oh, sim, querida — disse Lady Angkatell, sem sinais de contrição. Midge lançou-lhe um olhar duro. Quão impossível era Lucy! Nossa, pensou Midge, não sei como a suportamos! Ainda assim, mesmo durante a enunciação do pensamento, ela já conhecia a resposta. Lucy Angkatell estava sorrindo e, ao olhá-la,...
tracking img