Plantio direto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 126 (31324 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SISTEMA PLANTIO DIRETO:
BASES PARA O MANEJO DA
FERTILIDADE DO SOLO




SISTEMA PLANTIO DIRETO:
BASES PARA O MANEJO
DA FERTILIDADE DO SOLO

Afredo Scheid Lopes
Sírio Wiethölter
Luiz Roberto Guimarães Guilherme
Carlos Alberto Silva



ANDA
Associação Nacional para
Difusão de Adubos


Praça Dom José Gaspar, 30 - 9 Andar
São Paulo - SP

Telefone: 11 3255-9277Telefax: 11 3214-2831

Seite: www.anda.org.br

e-mail: info@anda.org.br



APRESENTAÇÃO

O Brasil possui a segunda maior área plantada no mundo sob sistema
plantio direto (SPD). Esse fato representa uma grande conquista para a
sociedade brasileira em termos de preservação do meio ambiente, uma vez
que, em área sob SPD, a perda de solo por erosão é drasticamente reduzida
e o estoque dematéria orgãnica é aumentado.

Essas mudanças implicam em melhoria da fertilidade e da qualidade
do solo e em maior eficiência de uso de água e de nutrientes, o que se
traduz em maior produção de alimentos com as mesmas quantidades de
fertilizantes e de corretivos usadas atualmente.

Como resultado desses benefícios, o SPD experimenta, atualmente,
um avanço acelerado em todos osestados brasileiros, já que, de início, as
áreas sob SPD concentravam-se no sul do Brasil.

Todos esses aspectos resultaram de um grande esforço da pesquisa
brasileira no sentido de entender os processos fundamentais para o estabelecimento
do SPD em diferentes solos e biomas, sobretudo nas questões
associadas ao manejo da fertilidade do solo. Cabe também ressaltar a contribuição
que osagricultores, os extensionistas e as empresas de fabricação
de máquinas e de insumos deram para a expansão do SPD no Brasil.



ÍNDICE


1. Introdução........................................................................................... 1


2.
Principais alterações químicas no solo decorrentes do sistema plantiodireto................................................................................................. 3

2.1.
Matéria orgânica.............................................................................. 3


2.2. Acidez do solo e toxidez de alumínio ............................................... 5


2.2.1. Respostas à aplicação de calcário ................................................ 8


2.2.2.
Efeitos da calagem superficial nas camadassubsuperficiais do
solo............................................................................................. 17

2.3.
Fósforo........................................................................................... 21


2.4.
Nitrogênio ...................................................................................... 32


2.4.1. Aplicação antecipada denitrogênio............................................... 39


2.4.2. Perdas de nitrogênio por volatização............................................. 53


3. Antes de netrar no sistema plantio direto............................................. 54


3.1.
Calagem......................................................................................... 55


3.2.Gessagem....................................................................................... 58


3.3.
Adubação corretiva......................................................................... 61


3.3.1. Adubação fosfatada corretiva....................................................... 61


3.3.2. Adubação potássica corretiva....................................................... 68


3.3.3. Adubaçãocorretiva com micronutrientes....................................... 70


4. Manejo da fertilidade no sistema plantio direto..................................... 71


4.1. Amostragem do solo para fins de avaliação da fertilidade.................. 71


4.2.
Calagem.......................................................................................... 75


4.3.
Adubação...
tracking img