Plano de aula

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1014 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Sumário:




1. Explique a evolução do pensamento geográfico .............................................03

1. Como a geografia crítica pode contribuir para o aprendizado ........................04

1.2. Qual a diferença entre método positivista e neopositivista ...........................05Bibliografia.............................................................................................................07

















































1) - Explique a evolução do pensamento geográfico.




A ciência da geografia nasceu no final do séc. XIX, comprometida com a ideologia imperialista dominante na época. Era então a ciência e filosofia que teorizava e justificavao colonialismo, com novas conquistas.

Assim, no início da história da geografia era voltada somente à parte descritiva e não analisando a visão crítica política dos fatos e realidade do que acontece no mundo.

A partir da década de 60, houve a renovação da geografia, onde começou aflorar o debate entre geografia e filosofia e teve início também construir uma crítica maior ligada áquestão da epistemologia, ou seja, buscar e entender o porquê os paradigmas da geografia tendem a se tornar obsoletos e por que precisam mudar. Assim trabalhar essa evolução procurando compreender e subsidiar novas idéias e novas análises.

Podemos dividir a geografia em:

• Geografia geral – preocupa-se com os fenômenos sob uma dimensão mundial;

• Geografia regional– prende-se ao estudo de área restrita da superfície terrestre;

• Geografia física – estuda o espaço natural;

• Geografia humana – analisa o homem e seu relacionamento com o meio geográfico;

• Geografia econômica – estuda a produção, circulação e distribuição de riquezas.

Uma das correntes importantes que deu enfoque mais crítico mais analítico foi a dialética marxista,que teve importante papel na leitura da geografia crítica e renovada, tanto de ver o espaço na dimensão social, como na dimensão política, econômica, tentando buscar uma compreensão maior desses fatos, das suas inter-relações, analisando os espaços como fatos concretos e reais e não simplesmente como uma descrição, onde á partir daí novas tendências e novas visões foram desenvolvidas, hoje ageografia é uma ciência que tenta abordar o espaço não só no sentido de descrição, mas, analisando suas mudanças em cada local e região levando em conta suas peculiaridades sociais.




2) - Como a geografia crítica pode contribuir para o ensino e a aprendizagem?



Assim como em todas as disciplinas, o fato de apresentar um conteúdo condizente com a realidade e com osconhecimentos já existentes do aluno, certamente será de maior entendimento, bem como melhor assimilação para que os alunos possam ter participação ativa nas aulas, o que não era possível na geografia tradicional.
A intenção é fazer o aluno pensar, refletir e não dar tudo pronto á ele como sempre foi feito. Trabalhar de forma crítica e dinâmica. O aluno precisa entender que o mesmo faz parte do espaçoem que vive.

As experiências dos alunos devem ser não somente aproveitadas, mas problematizadas e contextualizadas, pois a escola tem um forte papel social para a formação do ser humano e de sua cidadania.

Com isso, pode-se colocar em pauta assuntos cotidianos em nossa atualidade, como fatos acontecidos recentemente, onde todos poderão opinar e expor sua visão, deixando a aulaprazerosa e interessante.

Precisamos de uma Geografia que acompanhe as mudanças da sociedade e que seja
causadora também de mudanças, trazendo transformações para a realidade da sala de aula, no que tange a formação de cidadãos conscientes e interessados pela realidade social que os cerca. Para que isso aconteça é necessário acabar com a educação bancária no ensino de Geografia....
tracking img