Piscicultura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 25 (6192 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 10 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
3 – FUNÇÕES ADMINISTRATIVAS


Uma vez conhecidas as áreas da empresa, é necessário trabalhá-las com o objetivo de buscar competitividade. A busca por essa competitividade deve considerar o risco da atividade provocado pelas variáveis que compõe o ambiente da empresa. Minimizar esse risco é papel da Administração, especificamente das Funções Administrativas, portanto o processoadministrativo da empresas deve ser fundamentado nas funções planejamento, organização, direção e controle (Figura 01).





























Figura 01 - O Processo Administrativo.
Fonte: Adaptado de Chiavenato, 2004.



1 3.1 - Planejamento



Na administração de uma empresa, o planejamento, doravante denominado de planejamento estratégicoé um instrumento que tem o intuito de enfrentar adequadamente o seu ambiente, procurando ter o conhecimento sobre os fatores externos que as afetam e estabelecendo um direcionamento na qual a mesma deve seguir para se sobressair no mercado. É uma técnica que busca prever a ação da empresa face aos vários fatores de turbulência que a rodeiam.
Nas empresas rurais, o planejamento estratégicotem um papel muito importante, visto que nos dias atuais, há um processo crescente de interferência governamental nas atividades agropecuárias, aumentando as incertezas decorrentes do sistema produtivo. Então se faz necessário que cada empresário avalie esse processo e prepare adequadamente sua estratégia de ação.
Para se fazer um planejamento estratégico é necessário refletir sobre osobjetivos da empresa. Sendo necessário analisar o ambiente da empresa para identificar as oportunidades e ameaças, os pontos fortes que devem ser aproveitados e os pontos fracos os quais devem ser minimizados.
A Análise SWOT (Strengths, Weaknesses, Opportunities and Threats, em português - Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças) é uma maneira bastante eficiente de identificar ospontos fortes e fracos de uma empresa, bem como examinar as oportunidades e as ameaças que poderão ser enfrentadas no mercado de atuação. Como resultado dessa análise, tem-se um relatório que contém informações a respeito de fatores internos da empresa (forças e fraquezas) e sobre fatores externos (oportunidades e ameaças).
Outra ferramenta de diagnóstico que deve ser utilizada é oMapeamento do Processo Produtivo. Esse mapeamento consiste em identificar, com detalhes, o processo de trabalho que a empresa esta adotando, ou seja, o manejo adotado pelo empresário. A finalidade é proceder as devidas correções no processo produtivo depois de comparar o que o empresário esta fazendo com o que a teoria recomenda.
É necessário também, fazer a relação dos recursos produtivosexistentes na empresas. Para tanto, pode-se utilizar uma ferramenta denominada Inventário.
O cumprimento desse planejamento depende da gestão adotada, sendo assim, deve-se manter os objetivos estabelecidos, mas ter a capacidade de criar o empenho e estimular o pessoal envolvido na implementação processo, deve adotar uma postura de flexibilidade quanto as possíveis alterações necessárias, deacordo com as influências dos fatores advindos do ambiente externo.
Para a elaboração de um planejamento estratégico eficiente deve-se seguir as seguintes etapas:
• Determinar os objetivos da empresa – A empresa define os objetivos globais, o que ela pretende ser ou em que pretende atuar. Lucro, crescimento, segurança e prestígio são os principais objetivos que as empresas procuramalcançar.
• Analisar o ambiente interno da empresa – Faz-se uma análise organizacional das condições internas para permitir uma avaliação dos principais pontos fortes e dos pontos fracos que a empresa possui. Aqui se deve utilizar o mapeamento do processo produtivo.
• Analisar o ambiente externo da empresa – Trata-se de uma análise das condições externas que rodeiam a empresa e...
tracking img