Pilhas e baterias

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (524 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
2. DESENVOLVIMENTO
2.1 História da pilha
A pilha eléctrica foi inventada pelo físico italiano Alessandro Volta em 1800. Era composta do seguinte modo: um disco de cobre, sobre ele um disco defeltro embebido em ácido sulfúrico diluído em água, depois um disco de zinco, sobre este, outro disco de feltro embebido em ácido sulfúrico diluído, depois outro disco de cobre, e assim sucessivamente.Esses discos eram colocados um sobre o outro de maneira a formar uma pilha. Daí se originou o nome que até hoje se conserva para esses geradores.
É importante saber que na pilha, os elétrons fluem doânodo para o cátodo, sendo que o sentido da corrente elétrica, frequentemente utilizado na Física, se dá do cátodo para o ânodo.
2.2 A pilha de Daniel
A pilha de Daniell é constituída de uma placa deZinco (Zn) em uma solução de ZnSO4 e uma placa de Cobre (Cu) em uma solução de CuSO4. As duas soluções são ligadas por uma ponte salina, ou por uma parede porosa.

Sentido dos elétrons
Os elétronscirculam do eletrodo de maior potencial de oxidação para o de menor potencial de oxidação. No caso da pilha de Daniell os elétrons vão do zinco para o cobre.

Polos da pilha
Polo positivo – o demenor potencial de oxidação – Cu.
Polo negativo – o de maior potencial de oxidação – Zn.
Cátodo e Ânodo
Cátodo– placa de menor potencial de oxidação – Cu. Onde ocorre redução.
Ânodo – placa de maiorpotencial de oxidação – Zn. Onde ocorre oxidação.
Variação de massa nas placas
Placa de maior potencial de oxidação – diminui – Zn.
Placa de menor potencial de oxidação – aumenta – Cu.
Equaçãoglobal da pilha
Zn(s) + Cu (aq) +2 → Zn (aq) +2 + Cu
A pilha de Daniell é representada pela seguinte notação:
Zn°/Zn2+//Cu2+/Cu°
Ponte salina
A parede porosa (de porcelana, por exemplo) tem porfunção manter constante a concentração de íons positivos e negativos, durante o funcionamento da pilha. Ela permite a passagem de cátions em excesso em direção ao cátodo e também à passagem dos ânions...
tracking img