Pib - produto interno bruto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1241 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Centro Universitário Anhanguera de Santo André (UniA)
Graduação em Engenharia de Processos de Produção











PIB – (Produto Interno Bruto)










Santo André, SP
2010

APRESENTAÇÃO

O trabalho tem por objetivo falar sobre o PIB (Produto Interno Bruto) que é um dos principais indicadores de uma economia, Ele revela o valor de toda a riqueza gerada no país.CAPÍTULO I


PIB- PRODUTO INTERNO BRUTO

1.1. Descrição

O Produto Interno Bruto é o principal medidor do crescimento econômico de uma região, seja ela uma cidade, um estado, um país ou mesmo um grupo de nações. Sua medida é feita a partir da soma do valor de todos os serviços e bens produzidos na região escolhida em um períododeterminado.
O PIB é um dos indicadores mais utilizados na macroeconomia com o objetivo de mensurar a atividade econômica de uma região.
Na contagem do PIB, consideram-se apenas bens e serviços finais, excluindo da conta todos os bens de consumo de intermediário. Isso é feito com o intuito de evitar o problema da dupla contagem, quando valores gerados na cadeia de produção aparecem contados duasvezes na soma do PIB.

1.2. Macroeconomia

Macroeconomia (do grego: μακρύ-ς /ma΄kri-s/ grande, amplo, largo e οικονομία /ikono΄mia/ lei ou administração do lar) é uma das divisões da ciência econômica dedicada ao estudo, medida e observação de uma economia regional ou nacional como um todo. A macroeconomia é um dos dois pilares do estudo da economia, sendo o outro a microeconomia. O estudomacroeconômico surgiu como forma de oposição ao sistema mercantilista vigente na Europa, este movimento foi chamado por Keynes de Revolução clássica. Os dois dogmas mercantilistas atacados pelos clássicos eram, o metalismo (a crença de que a riqueza e o poder de uma nação estava no acúmulo de metais preciosos), e a crença na necessidade de intervenção estatal para direcionar o desenvolvimento dosistema capitalista. O termo macroeconomia teve origem na década de 1930 a partir da Grande Depressão iniciada em 1929, onde foi intensificada a urgência dos estudos das questões macroeconômicas, sendo a primeira grande obra literária macroeconômica o livro Teoria, do economista britânico John Maynard Keynes, dando origem a Revolução Keynesiana que se opôs à ortodoxia da Economia Clássica.
Amacroeconomia concentra-se no estudo do comportamento agregado de uma economia, ou seja, das principais tendências (a partir de processos microeconômicos) da economia no que concerne principalmente à produção, à geração de renda, ao uso de recursos, ao comportamento dos preços, e ao comércio exterior. Os objetivos da macroeconomia são principalmente: o crescimento da economia, o pleno emprego, aestabilidade de preços e o controlo inflacionário.
Um conceito fundamental à macroeconomia é o de sistema econômico, ou seja, uma organização que envolva recursos produtivos.


1.3. Bens de consumo Intermediário
São bens que são consumidos na produção de outros bens, como os bens de consumo duráveis. Exemplo: placa de computador é usada para fabricar um computador. A farinha destinada a umafábrica de bolos não será mais um bem de consumo alimento e sim um bem de consumo intermediário, pois será utilizada para a produção de bolos.


1.4. Bem
Em economia, um bem é tudo o que tem utilidade, podendo satisfazer uma necessidade. Tipicamente, um bem econômico é algo tangível, em contraste com os serviços, que são intangíveis. Como tal, pode ser comprado e vendido. Por exemplo, um pé dealface é um bem tangível, enquanto que a lavagem de um carro é um serviço intangível.

1.5. PIB Nominal e PIB Real

O PIB nominal é valor calculado levando-se em conta os preços do ano corrente: ou seja, se houver inflação no período, ela será contabilizada no resultado final. Já o PIB real é medido com o preço fixado no ano anterior, tirando-se desse cálculo o efeito da inflação.



1.6....
tracking img