Patologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1674 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução

Trombose é o processo patológico caracterizado pela solidificação do sangue dentro dos vasos ou do coração, no individuo vivo. Trombo é a massa sólida formada pela coagulação do sangue. Coágulo, por outro lado, significa massa não-estruturada de sangue fora dos vasos ou do coração( p. ex, sangramento dentro da cavidade peritoneal) ou formada por coagulação após a morte( com aparada da circulação, o sangue tende a se coagular no interior do coração e dos vasos). (BOGLIOLO,L;2009)

Os trombos podem ser venenosos ou arteriais. Os venosos são formados primeiramente por hemácias presas em uma rede de fibrina, além de algumas plaquetas, e se formam em áreas de estase após ativação do sistema de coagulação. Os trombos arteriais contém principalmente plaquetas, possuemrelativamente pouca fibrina e se formam em locais com lesão endotelial e fluxo sanguíneo de alta velocidade. (BOGLIOLO,L;2009)

Os trombos podem desenvolver-se em qualquer lugar no sistema cardiovascular: dentro das câmaras cardíacas; nas cúspides valvares; ou nas artérias, nas veias ou nos capilares. Eles são de tamanho e forma variáveis, dependendo do local de origem e das circunstâncias que levam aoseu desenvolvimento. (ROBBINS,S.L;2005)

Os trombos arteriais tendem a crescer numa direção retrógada do ponto de ligação, enquanto os trombos venosos estendem-se na direção do fluxo sanguíneo( em direção ao coração). (ROBBINS,S.L;2005)

Quando surgem os trombos arteriais nas câmaras cardíacas ou no lúmen aórtico, eles aderem-se, em geral a parede da estrutura subjacente e são denominadostrombos murais. A contração miocárdica anormal( arritmias, cardiomiopatia dilatada, ou infarto miocárdico) causam os trombos murais cardíacos, enquanto a placa aterosclerótica ulcerada e a dilatação aneurismática são os precursores da formação trombótica aórtica. (ROBBINS,S.L;2005)

Os trombos arteriais são em geral oclusivos; os locais mais comuns, em ordem descendente, são as artérias coronárias,cerebrais e femorais. Os trombos são típicos e firmemente aderentes a parede arterial lesionada e são branco-acinzentados e friáveis, compostos de uma mistura de plaquetas, fibrina, eritrócitos e leucócitos degeneráveis. (ROBBINS,S.L;2005)

A trombose venosa ou flebotrombose, é quase invariavelmente oclusiva; o trombo cria, com frequência um molde longo de lúmen venular. Como estes trombosformam-se num ambiente relativamente estático, eles tendem a conter mais eritrócitos misturados e são portanto, conhecidos como trombos vermelhor ou estáticos. (ROBBINS,S.L;2005)

É caracterizada por plaquetopenia, consumo de proteínas plasmáticas especificas e presença de trombos fibrinosos na circulação. A ativação do fator XII sugere como um dos mecanismos a via intrínseca da coagulação sanguínea.(MONTENEGRO,M.R;1999)

Entretanto, a via extrínseca também pode ser ativada, como é o caso da liberação do fator tecidual no decurso de queimaduras ou neoplasias que sofrem necrose. Por qualquer um destes mecanismos, acumula-se trombina na circulação o que determina o aparecimento de pequenas massas de fibrina que circulam e terminam impactadas em pequenos vasos como os da pele, glomérulosrenais e capilares pulmonares. (MONTENEGRO,M.R;1999)

Desenvolvimento

Trombose resulta da ativação patológica do processo normal da coagulação sanguínea, que pode ocorrer quando existe: lesão endotelial, fator que sozinho pode iniciar a trombose; alteração do fluxo sanguíneo; hipercoagulabilidade do sangue. (BOGLIOLO,L;2009)

Lesão endotelial: a integridade do revestimento vascular pelascélulas endoteliais é essencial para a manutenção da fluidez do sangue, razão pela qual lesões estruturais ou funcionais do endotélio se associam muitas vezes a formação de trombos. Lesão ou perda endotelial ocorrem em inúmeras circunstancias especialmente sobre placas ateromatosas, por agressão direta das bactérias ou fungos, pela presença de leucócitos ativados em inflamações agudas, por traumatismo...
tracking img