Pastoral urbana

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1160 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Entrevista com o Padre Alberto Antoniazzi, do Instituto Nacional de Pastoral (INP).
Por: Maria Lucia Gomes de Matos
Padre Alberto Antoniazzi é teólogo, assessor da CNBB e Secretário Executivo do Projeto Pastoral Construir a Esperança (PPCE). Trabalha como Coordenador da Pastoral na Arquidiocese de Belo Horizonte e sempre se refere a essa Arquidiocese como muito atuante, sempre almejandomelhorar mais, como ele afirma em um de seus artigos  -  "a colheita é grande, os trabalhadores são poucos" (Lc.10,2) .
 Pe.Antoniazzi apresenta questões que leva o leitor a ponderar sobre a importância daquilo que ele aborda: "a missão da Igreja é uma tarefa de todos - e por isso também minha - ou só de alguns poucos? Nem todos são chamados a viajar tão longe como fazia S.Paulo . Há modos defazer  missão por perto ? Já saiu de seu bairro ou comunidade para levar o evangelho a outros ? prestar serviços aos irmãos necessitados ? Quando? Como ?
Para Amai-vos  Pe.Antoniazzi responde a perguntas que esclarecem sobre atividades de uma Pastoral Urbana:
Amai-vos: QUAIS OS  OBJETIVOS  PRINCIPAIS  DA  PASTORAL  URBANA ?
Pe.Antoniazzi: A Pastoral Urbana nasceu na América Latina nos anos 60, comoesforço de reflexão, orientação e ação relativamente aos problemas pastorais específicos das grandes cidades. Um marco, nesse sentido, foi o Encontro promovido pelo CELAM, em 1965, em Barueri (S.Paulo). A consciência da necessidade de uma Pastoral Urbana nasceu, de um lado, da constatação que a urbanização crescia rapidamente e algumas cidades transformavam-se em "megalópoles" (ou grandes metrópoles)e, por outro lado, da  percepção de que a maioria das práticas pastorais da Igreja Católica estavam adequadas ao mundo rural ou à cidade pequena, não às metrópoles modernas.
Amai-vos: - OS TRABALHOS DA  PASTORAL  URBANA  ATINGEM  TAMBÉM  AS  COMUNIDADES DA  PERIFERIA  DE  UMA  CIDADE ?
Pe.Antoniazzi: Certamente a Pastoral Urbana deve ocupar-se da periferia, particularmente no Brasil, onde nosúltimos 15-20 anos não cresceram os municípios das capitais (já muito povoados desde os anos  80), mas os municípios periféricos  a  eles, formando o entorno das Capitais e inchando as regiões metropolitanas. Por exemplo, a cidade de Belo Horizonte tem há 20 anos pouco mais de 2 milhões de habitantes. No mesmo período a Região Metropolitana passou de menos de 3 milhões para 4,3. Alguns municípiosda Região  multiplicaram a população por dez. Apenas  8% da população acima de 18 anos  de  Betim, por exemplo, nasceu no município; os outros 92% vieram de fora ! Agora, os problemas da periferia não são os mesmos  do  centro  urbano ! Na periferia  encontramos  muitas vezes  uma  população em transição do mundo rural (de onde vem)  para a cultura  urbana.Amai-vos:  QUAIS  AS  MAIORES  DIFICULDADES  ENCONTRADAS  ?
Pe. Antoniazzi: As dificuldades da Pastoral Urbana são muitas. A urbanização é acompanhada por um processo de modernização que leva para o individualismo  e  o  enfraquecimento  dos laços comunitários  e  institucionais. Isso desgasta também a ação pastoral da Igreja. (Vejam-se as reflexões sobre o tema no último capítulo do recente livro do CERIS: Desafios doCatolicismo  na  Cidade, Editora Paulus). Em geral, a ação pastoral da Igreja Católica está muito ligada às paróquias. Estas procuram se adaptar às exigências da pastoral urbana, tornam-se mais acolhedoras e dinâmicas. Mas falta, geralmente, uma pastoral mais especializada, que atinja setores específicos da sociedade  ou ambientes  de  vida. Falta também mais rapidez para atender a  periferia. Não é raro o caso em que,nas áreas periféricas, quando surge uma nova paróquia católica, já atuam dez ou mais  igrejas evangélicas.
Amai-vos: COMO SÃO  ELABORADOS  OS  PLANOS  DE  TRABALHO ?
Pe. Antoniazzi: O Brasil tem uma boa experiência de planejamento  pastoral, sobretudo a partir do "Plano de Pastoral de Conjunto" (PPC), criado pelos Bispos para aplicar o Concílio Vaticano II.  O PPC foi feito...
tracking img