Parkinson

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 31 (7606 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

Este trabalho foi realizado no âmbito da disciplina de Psicopatologia do Adulto e da Terceira Idade, pelas alunas Dalila Costa, Daniela Figueiredo e Rita Moreira, do 4º ano do curso de Psicologia, da Universidade Lusíada do Porto.

A Doença de Parkinson é um distúrbio neurológico do movimento, com progressão lenta que poderá conduzir à incapacidade. Existem vários tipos de Doençade Parkinson, sendo a forma degenerativa ou idiopática a mais comum.

Apesar da causa desta patologia ser ainda desconhecida, estudos efectuados sugerem diversos factores tais como: genéticos, aterosclerose, acumulo excessivo de radicais livres de oxigénio, infecções virais, traumatismo craniano, uso crónico de medicamentos antipsicóticos e algumas exposições ambientais.

Esta patologiaapresenta um estabelecimento gradual, uma progressão lenta da sintomatologia e uma evolução crónica e prolongada. O Parkinson começa com um ligeiro tremor e avança tão lentamente que a pessoa raramente consegue recordar-se do seu início.

O Parkinson é uma Doença com carácter evolutivo, progressivo e contínuo, que poderá conduzir ao afastamento profissional e social, dependência familiar econsequentemente poderá conduzir o doente a um estado depressivo, o que dificulta o seu tratamento.


I. DOENÇA DEGENERATIVA DO SISTEMA NERVOSO CENTRAL – PARKINSON

A síndrome de Parkinson faz parte do grupo de Doenças Degenerativas do Sistema Nervoso Central (SNC). A Doença Degenerativa, implica que ocorra declínio da função neurológica, que antes apresentava função neurológica normal.

Este grupode Doenças têm início insidioso e o curso é progressivo. Algumas destas patologias têm um envolvimento selectivo, como por exemplo, o Parkinson que atinge o núcleo de substância negra.

Esta patologia é uma síndrome de desenvolvimento gradual de anomalias de postura e movimento. É altamente incapacitante do ponto de vista funcional, devido ao seu carácter evolutivo, progressivo e contínuo, oque torna o Parkinsónico impotente perante tal situação. O afastamento profissional e social, a dependência familiar e todos os problemas associados à sua patologia primária, desencadeia neste uma síndrome depressiva, o que acaba por dificultar o seu tratamento.


1.1 Aspectos Históricos

A primeira descrição da Doença foi efectuada por James Parkinson, em 1817, cuja Comunitariação teve comotítulo: “An Essay of the Shaking Palsy”.

Esta sua obra baseou-se nas observações de seis doentes atingidos, pelo que designou de paralisia agitante, vindo este termo a ser abandonado por nem sempre existir paralisia muscular e/ou tremor.

Assim, o quadro clínico referente à Doença descrita por James Parkinson passou a ser designado DOENÇA DE PARKINSON.


1.2 Etapas no Conhecimento da Doença(diagnóstico: D; terapêutica: T)

Antes de 1960:
D: Reconhecimento e descrição da Doença (1817).
D: Identificação da perda das células pigmentadas da substância negra como responsável pela Doença (1919).
T: Emprego de anticolinérgicos de síntese (1946).
T: Cirurgia estereotáxica do tálamo para tratar o tremor (1958).

Década de 1960:
D: Evidência e confirmação da deficiência do estriadoem dopamina.
T: Primeira Comunitáriação descrevendo o uso clínico da levodopa: tratamento com levodopa restaura os níveis de dopamina no estriado; doses orais elevadas de levodopa estabelecidas como a terapêutica até à data mais eficaz.
T: Introduzida a associação de levodopa com inibidores extracerebrais da descarboxilase, por surgirem efeitos adversos devidos à estimulação dopaminérgica docentro do vómito (que é exterior à barreira hematoencefálica).





Década de 1970:
T: Primeira Comunitáriação descrevendo o uso clínico da bromocriptina, agonista dopaminérgico sintético estimulador dos receptores dopaminérgicos cerebrais.
T: Emprego de agentes que prolongam a duração de acção da dopamina no cérebro por inibição do seu principal enzima catabólico: inibição da MAO-B pela...
tracking img