Paper

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1158 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
História da Educação de Marabá

Desde seu surgimento, Marabá sempre ofereceu algum tipo de instrução regular a seus moradores, apesar do isolamento que persistiu até meados do século 20, e muito embora grande parte da população fosse composta de homens que trabalhavam periodicamente nas matas, deixando suas famílias nos lares distantes, em Goiás ou Maranhão.
A história do processo deeducação formal pode ser recomposta, em parte, pela memória que guardamos dos grandes mestres que, com ingentes sacrifícios, lecionaram em nossa cidade.
O núcleo de Educação Infantil Dr. Deodoro de Mendonça, é o primeiro e único Núcleo Público do Bairro Francisco Coelho. O mesmo iniciou suas atividades atendendo crianças 1ª a 4ª série do Ensino fundamental. É localizado no Bairro Francisco Coelho S/N,(em cima da praça) Zona Urbana, conhecido pela comunidade, devido às presenças marcantes de pessoas afro-descendentes como "Cabelo Seco".
Devido ausência de documentos que comprovasse a história deste Núcleo, buscaram-se informações através de pessoas antigas do bairro, que segundo as mesmas, a Escola foi inaugurada em 1968 com nome de Dr. Deodoro de Mendonça, o nome foi dado devido na época osgovernantes colocarem em órgãos públicos nomes de famílias renomeadas, a mesma foi durante alguns anos extensão da E.M.E.F. José Mendonça Vergolino.
A escola passou a ser Núcleo de Educação Infantil a partir do ano de 2006, ressaltamos que, no final do ano de 2007, a equipe da SEMED(Secretaria Municipal de Educação) realizou neste Núcleo de Educação Infantil, organização dos documentos dos alunosdos anos anteriores a 2006, quando funcionava Escola e que após organização, os documentos foram levados para os arquivos da E.M.E.F. José Mendonça Vergolino sobre a gestão da professora Maria Aparecida Nocetti, ficando nos arquivos deste Núcleo Dr.Deodoro de Mendonça apenas os documentos referentes ao ano de 2006 em diante.
No Burgo
Mesmo antes da povoação do pontal formado pelos riosTocantins e Itacaiúnas, quando a ocupação não-indígena no Burgo do Itacaiúnas, havia, nesta, uma escola.O italiano Luigi Buscalione, visitando o local, em 1900, declarou: "O Burgo do Itacaiúnas representa um centro intelectual de uma certa importância, pois possui uma escola elementar"( Laraia, Mata, 1978, p.123; Velho, 1972, p.33).
Essa escola devia ser de construção e funcionamento recentes, poisIgnacio Moura, em memorável viagem realizada quatro anos antes (1986), registrou a necessidade de sua criação.
Na nascente Marabá
A extração de caucho das margens do Itacaiúnas favoreceu o surgimento de Marabá, ao mesmo tempo em que contribuiu para o fracasso do projeto agrícola do Burgo.
Uma das primeiras informações de um ensino regular na nova cidade aponta para a professora JoaquinaDiamantina Ferreira Lemos, provavelmente a pioneira do ensino nesta cidade. Era esposa de José Inocente Ferreira Lemos Junior, que fez parte, como um dos sete vogais, do Conselho Municipal eleito em 1921(viagem ao Tocantins, p.28, 83 e 85).
No livro Pelas trilhas de Marabá, Almir Queiroz de Moraes conta que Antonio Maia, o primeiro Intendente de Marabá, criou, por volta de 1913, uma escolapública, tendo indicado, como professoras, Odília Maranhão e Bernadete Saraiva dos Reis. O mesmo autor cita, pela mesma época, as aulas particulares de "Álvaro Santana, maranhense de Carolina e a de D.Maria Amália que lecionava em sua própria residência"( Moraes, p.66).
Carlota Carvalho, em sua obra O Sertão, refere-se a uma escola que teria sido instalada em Marabá em 1917, por Cândido Pereira de SousaBispo. O maranhense Sousa Bispo residiu em Marabá por cerca de um ano, período em que, além de instalar a escola, editou o periódico "Fiscal", de circulação quinzenal, e criou o "Grêmio Literário Esperança".Nessa época Sousa Bispo tinha apenas 21 anos de idade(Carvalho, 1924, p.161).
Anos 20
Uma escola particular, dos anos 20, que deixou lembranças entre os marabaenses, foi o...
tracking img