Paif

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5391 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução
 “O segundo volume das Orientações Técnicas sobre o Serviço de Proteção e Atendimento Integral à Família – PAIF tem como foco o Trabalho Social com Famílias desenvolvido no âmbito desse Serviço. A finalidade é contribuir na operacionalização do PAIF, a partir das especificidades dos territórios e famílias que ali residem (…) Ressalta-se que a presente publicação não pretende engessar,dar receitas ou burocratizar a ação dos técnicos, mas oferecer orientações gerais e pressupostos (…) Assim, o que se pretende, mais que orientar, é inspirar reflexões sobre ‘o que se quer’ e contribuir na materialização de ações que respondam ao ‘o que fazer e como fazer para chegar onde se quer’” (p. 7-8).

Capítulo 1

Conceito de trabalho social com famílias no âmbito do PAIF

“…definiçãode trabalho social com famílias, no âmbito do PAIF:

Conjunto de procedimentos efetuados a partir de pressupostos éticos, conhecimento teórico-metodológico e técnico-operativo, com a finalidade de contribuir para a convivência, reconhecimento de direitos e possibilidades de intervenção na vida social de um conjunto de pessoas, unidas por laços consanguíneos, afetivos e/ou de solidariedade – quese constitui em um espaço privilegiado e insubstituível de proteção e socialização primárias, com o objetivo de proteger seus direitos, apoiá-las no desempenho da sua função de proteção e socialização de seus membros, bem como assegurar o convívio familiar e comunitário, a partir do reconhecimento do papel do Estado na proteção às famílias e aos seus membros mais vulneráveis. Tal objetivomaterializa-se a partir do desenvolvimento de ações de caráter ‘preventivo, protetivo e proativo’, reconhecendo as famílias e seus membros como sujeitos de direitos e tendo por foco as potencialidades e vulnerabilidades presentes no seu território de vivência” (p. 12).

“Destaca-se como método importante na compreensão da realidade social o método dialético” (p. 12, nota 4).

“…o fazer cotidiano daequipe de referência do CRAS, ao operacionalizar o PAIF, deve fugir das práticas do senso comum, que sem nenhum tipo de contestação ou indagação, tornam-se crenças imutáveis, que reproduzem ideias carregadas de preconceitos, culpabilizam as famílias por sua situação social e mantêm o status quo, impossibilitando movimentos de transformação da realidade” (p. 13).

Capítulo 2

Ações que compõem otrabalho social com famílias do PAIF

“As ações do PAIF devem ser planejadas e avaliadas com a participação das famílias usuárias, das organizações e movimentos populares do território, visando o aperfeiçoamento do Serviço, a partir de sua melhor adequação às necessidades locais, bem como o fortalecimento do protagonismo destas famílias, dos espaços de participação democrática e de instânciasde controle social (…)

• Acolhida

• Oficinas com Famílias

• Ações Comunitárias

• Ações Particularizadas

• Encaminhamentos” (p. 14).

“Objetivos do PAIF

Fortalecer a função protetiva da família e prevenir a ruptura dos seus vínculos, sejam estes familiares ou comunitários, contribuindo para melhoria da qualidade de vida nos territórios;

Promover aquisições materiaise sociais, potencializando o protagonismo e autonomia das famílias e comunidades;

Promover acessos à rede de proteção social de assistência social, favorecendo o usufruto dos direitos socioassistenciais;

Promover acessos aos serviços setoriais, contribuindo para a promoção de direitos;

Apoiar famílias que possuem, dentre seus membros, indivíduos que necessitam de cuidados, por meio dapromoção de espaços coletivos de escuta e troca de vivências familiares.” (p. 15).

“Os técnicos de nível médio não devem, portanto, ser responsabilizados por nenhuma ação técnica do PAIF. A eles cabe auxiliar na operacionalização das ações do Serviço ou assumir responsabilidade por condução de grupos do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, quando ofertados no CRAS” (p. 16)....
tracking img