Os reticulocitos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1186 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
OS RETICULÓCITOS

A enumeração dos reticulócitos é freqüentemente realizada para a obtenção de informações a cerca da integridade funcional da medula hematopoiética.
As células vermelhas do sangue são continuamente renovadas na medula óssea a partir da célula hematopoiética primitiva. O pronormoblasto passa pelos estágios de normoblasto basófilo, normoblasto policromatófilo, normoblastoortocromático, reticulócito e eritrócito maduro. Esta progressão, desde pronornomoblasto até célula vermelha anucleada, é rigorosamente regulada pela eritropoietina e outros fatores, com o intuito de manter a oferta adequada de oxigênio aos tecidos.
O reticulócito sofre um período inicial de maturação dentro da medula óssea e é então liberado ao sangue periférico onde diferencia-se em hemáciamadura em 2 a 3 dias. Ele é uma célula vermelha anucleada ligeiramente maior do que a hemácia madura (10 a 15 µm versus 6 a 8 µm), e contém resquícios de RNA e outras organelas que podem ser visualizadas com o uso de corantes supravitais do tipo do azul de cresil brilhante. Os reticulócitos ‘jovens” possuem massas densas de RNA e outras substâncias, que vão se tornando granulares e finalmentedesaparecem quando o reticulócito completa a sua diferenciação a eritrócito maduro.
A contagem de reticulócitos é reportada como uma porcentagem em relação ao total de hemácias examinadas, cujos valores referenciais estão entre 0,5 e 1,5 %, sendo 3,0 % o valor superior da normalidade. Esta forma de expressar o resultado pode acarretar conclusões errôneas quando o número de eritrócitos é anormal e há umaforte estimulação eritropoiética na medula, como a que pode ocorrer na anemia. Uma forma mais acurada de oferecer o resultado é como número absoluto de reticulócitos por milímetro cúbico de sangue, cujos valores de referência estão entre 20.000 e 80.000/mm3 , sendo 120.000/mm3 o valor superior da normalidade.
Outras partículas que não o RNA (corpúsculos de Heinz, corpos de Howell-Jolly,remanescentes nucleares, grânulos sideróticos, debris, etc.), podem ser confundidos com os grânulos reticulares e dificultar a contagem.

Método manual
Pode também ser usado o método de coloração pelo azul de cresil brilhante e fazer uma contagem, tirando-se uma porcentagem em relação às hemácias presentes no campo microscópico. Os reticulócitos são as hemácias com pontos em seu interior.
Métodoautomático
Atualmente, para contar reticulócitos, são usados contadores automatizados usando laser com corante fluorescente que marca o RNA e DNA. Isso diferencia os reticulócitos das hemácias (que não contêm RNA nem DNA).
SIGNIFICADO CLÍNICO DA CONTAGEM DE RETICULÓCITOS
Doença Mecanismo Causa
RETICULOCITOPENIA
Anemias hipocrômicas Distúrbios na síntese de Hb Deficiência de ferro, Anemia dadoença crônica, Talassemia, Anemia sideroblástica
Anemias aplásticas Distúrbio na eritropoiese Idiopática, Doença renal, Metástase óssea, Infecção viral, Aplasia induzida por droga, radiação ou imunológica
Anemia megaloblástica Distúrbio na síntese de DNA Deficiência de vitamina B12, Deficiência de ácido fólico
Crise aplástica na anemia hemolítica Variável Variável
RETICULOCITOSE
Perdasanguínea Eritropoiese aumentada Hemorragia aguda, Hemorragia sub-aguda
Anemias hemolíticas Destruição aumentada dos eritrócitos Hemoglobinopatias, Distúrbios da membrana dos eritrócitos, Doença hemolítica imune, Hiperesplenismo

A atividade eritropoiética da medula óssea e o ritmo de liberação das células da medula para o sangue periférico são os fatores determinantes do número de reticulócitos nosangue periférico. Em relação a classificação das anemias, estas podem ser divididas em “regenerativas” (com reticulocitose) e “aregenerativas” (sem reticulocitose).
A reticulocitose ocorre normalmente nos pacientes anêmicos com medula óssea funcional. Aqui estão incluídos os pacientes com perda de sangue ou anemias hemolíticas (anemia falciforme, talassemias, esferocitose, deficiência de...
tracking img