Os exploradores de caverna

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3270 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Seminário de IED
Prof.ª Daisy Rafaela da Silva

Grupo I _ Transgênicos apresentação em 18/05/2012

Ailton Xavier Ferreira R.A 112.223
Alessandro Messali ( Pesquisa)
Carlos Renato D’Leutério
Cledemir
Fabiana Faro R.A 120.289
Pamela
Washington Correa Rodrigues R.A 120.535

O pequeno agricultor brasileiro produz arroz, soja, milho e feijão.
Semdestruir a Amazônia e sem pagar Royaltes.
A produção é suficiente para alimentar o país e até exportar.
O presidente Lula sancionou o projeto de biossegurança, que libera a soja transgênica e ainda
facilita a comercialização e plantio de outros transgênicos.
A Lei despreza necessidade de estudo sobre o impacto desses alimentos no meio ambiente e na saúde humana.
Transgênicos sãomicroorganismos geneticamente modificados, plantas ou animais que recebem genes de outras espécies, criaturas de laboratório que recebem características muitas vezes desconhecida, trocando em miúdos, transgênico é o peixe que tem genes de porco para crescer mais rápido, é a semente de soja que tem genes de vírus e bactérias para resistir a agrotóxicos e muito mais.
Transgênicos causam a contaminaçãogenética, detonam com a biodiversidade, aumentam o uso de agrotóxicos ao longo do tempo, incentivam o aparecimento de superpragas, mas ainda falta muita pesquisa sobre o assunto.
Para proteger o interesse comercial das grandes empresas, de Governo Lula e a Nova Zelândia levaram ao fracasso um Acordo Mundial, eram pedidas regras mais claras de rotulagem para transgênicos, regras que podem evitar acontaminação e proteger a biodiversidade de todo planeta. O Governo ignorou o pedido de mais de cem países.
Com o discurso de acabar com a fome, as multinacionais estão patenteando seres vivos, para monopolizar a produção de sementes. O império dos transgênicos pode destruir as plantações ,responsáveis por 70% da produção de alimentos no Brasil e você não sabe o que está comendo.
GreenpeacePerigo para Agricultura e a Biodiversidade
ABRA OS OLHOS E FECHE A BOCA
Abertura: Alma
Aula passada prof.ª Daisy perguntou às mães se elas antes de dar o “Todinho” da criançada se as respectivas se certificavam do que havia dentro daquela caixinha, graciosa na maioria das vezes. Ilustradas com desenhos atrativos, coloridos de cores primárias, para não deixar a galerinha passar pelaprateleira sem vê-las.
Na data de hoje e daqui para frente nossa preocupação vai além de saber se há espinha de peixe na lata de extrato de tomate, resíduo de esmalte no leite da Parmalat, barata dentro da caixinha de achocolatado. O que nos importa é saber da origem desses alimentos alterados geneticamente , por uma ciência chamada Engenharia Genética.
Analisar a palavra TransgênicoTRANS.GÊ.NI.CO (sentido denotativo, do dicionário)

adj. e s.m. Diz-se de organismos que contêm genes provenientes artificialmente de outra espécie.



1- O que são os transgênicos? : Renato
Os transgênicos, ou organismos geneticamente modificados, são produtos de cruzamentos que jamais aconteceriam na natureza, como, por exemplo, arroz com bactéria.
Por meio de um ramode pesquisa relativamente novo (a engenharia genética), fabricantes de agroquímicos criam sementes resistentes a seus próprios agrotóxicos, ou mesmo sementes que produzem plantas inseticidas. As empresas ganham com isso, mas nós pagamos um preço alto: riscos à nossa saúde e ao ambiente onde vivemos.
O modelo agrícola baseado na utilização de sementes transgênicas é a trilha de um caminhoinsustentável. O aumento dramático no uso de agroquímicos decorrentes do plantio de transgênicos é exemplo de prática que coloca em cheque o futuro dos nossos solos e de nossa biodiversidade agrícola.
Diante da crise climática em que vivemos, a preservação da biodiversidade funciona como um seguro, uma garantia de que teremos opções viáveis de produção de alimentos no futuro e estaremos prontos para...
tracking img