Nr 18

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 27 (6732 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
NR-18: 10 anos após a revisão continua dinâmica e produtiva
Em 2005, quando se comemora os 10 anos de revisão da norma, a construção civil faz um balanço das alterações que mudaram imagem do setor em relação à segurança e saúde no trabalho
“...Subiu a construção como se fosse máquina
Ergueu no patamar quatro paredes sólidas
Tijolo com tijolo num desenho mágico
Seus olhos embotados de cimentoe lágrima
Sentou pra descansar como se fosse sábado
Comeu feijão com arroz como se fosse um príncipe
Bebeu e soluçou como se fosse um náufrago
Dançou e gargalhou como se ouvisse música
E tropeçou no céu como se fosse um bêbado
E flutuou no ar como se fosse um pássaro
E se acabou no chão feito um pacote flácido
Agonizou no meio do passeio público
Morreu na contramão atrapalhando otráfego.”
Os versos acima fazem parte da música Construção, de Chico Buarque de Holanda. Escrita em 1971, retrata de forma poética a história real de muito trabalhadores da construção civil. O que o inspirou a escrever a música? Talvez o noticiário da época tenha contribuído, afinal os anos 70 são descritos como o período do “Milagre Brasileiro”, quando houve um boom de investimentos na economia,inclusive na construção. Com o setor a todo vapor, a segurança e saúde do trabalho engatinhando e as normas regulamentadoras longe de se concretizarem, não é difícil imaginar a quantidade de notícias sobre acidentes e mortes ocorridas em canteiros.
Se a suposição acima é verdadeira ou não pouco importa, mas sim a fidelidade com que o compositor reproduziu uma cena, infelizmente habitual àquele tempo eainda registrada nos dias de hoje, apesar da legislação e dos avanços tecnológicos. Chico acertou até no tipo de acidente mais comum, a queda.
As condições de trabalho na construção civil sempre foram muito adversas. A velocidade com que uma obra se realiza dificulta a organização do ambiente, há interferência direta de fatores climáticos, vários são os agentes físicos, químicos, biológicos eergonômicos a exporem os trabalhadores aos riscos, sem mencionar a baixa qualificação dos que realizam as tarefas, o que definitivamente atrapalha a prevenção dos acidentes e doenças ocupacionais. Tanto que em 1978, o setor foi contemplado com a NR-18 – Obras de Construção, Demolição e Reparos, por meio da Portaria nº 3.214, que também aprovou as demais normas regulamentadoras.
Mas as coisas nãoevoluíram como o esperado e a construção civil continuou ocupando o topo do ranking dos setores que mais matavam e acidentavam o trabalhador no Brasil. Além do risco iminente de um acidente grave ou mesmo fatal, as condições oferecidas não eram condizentes com um ambiente de trabalho digno. Os operários não contavam muitas vezes com água potável para beber, nem instalações sanitárias decentes, tinhamque comer suas marmitas frias, pois não havia onde esquentar e os que dormiam nas obras, não possuíam o mínimo para uma noite de descanso real, com lençóis e travesseiros.
Em 1983, a NR-18 passou por uma primeira modificação, lhe foi conferida maior abrangência e um conteúdo mais técnico e atualizado. No entanto, ainda não havia chegado o momento do tão esperado salto de qualidade nas questões desegurança e saúde do trabalho. O início deste processo, ainda em andamento, só ocorreu alguns anos depois, mais precisamente em junho de 1994, quando foi iniciado o trabalho de revisão da norma por um Grupo Técnico de Trabalho, constituído por profissionais da Fundacentro, da então Secretaria de Segurança e Saúde do Trabalho (SSST) e das Delegacias Regionais do Trabalho (DRTs).
É bom lembra quea construção civil é dividida em construção pesada, montagem industrial e edificações. Este último segmento é o foco da NR-18 e compreende a construção de edifícios residenciais, comerciais, de serviços, institucionais e industriais, além de edificações modulares verticais e horizontais.
                                                  O início da mudança
 
O grupo formado, após vários...
tracking img