Novo mundo, muitas realidades: as diferentes experiências na colonização americana

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1054 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DA BAHIA
CAMPUS BARREIRAS

NOVO MUNDO, MUITAS REALIDADES:
AS DIFERENTES EXPERIÊNCIAS NA COLONIZAÇÃO AMERICANA

Carla Letícia Pereira Oliveira
Rayssa Caldeira dos Santos Maciel

Trabalho proposto à turma 722, do Curso Técnico em Informática na modalidade Integrado, do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA –Campus Barreiras), como pré-requisito para a obtenção de média da I unidade, na disciplina: História, ministrada pela professora Ivonilda.

NOVO MUNDO, MUITAS REALIDADES: AS DIFERENTES EXPERIÊNCIAS
NA COLONIZAÇÃO AMERICANA

CONQUISTAS E COLONIZAÇÕES: A AMÉRICA

Na procura por caminhos novos para as Índias. Cristóvão Colombo, em 1492 descobre a América. Logo após seu descobrimento começa oprocesso de ocupação territorial, exploração comercial e colonização dessas terras. Havia, porém distâncias imensas entre a América e os povos europeus, não só geográficas, mas também culturais. Os europeus estavam deslumbrados com os descobrimentos, com as descrições dos locais encontrados. A ambição começava a desapontar. Por fim, a chegada dos Europeus à América produziu um choque culturalinevitável.
Pode-se dizer que os pioneiros nas grandes embarcações e na colonização da América foram os portugueses. Logo depois os Europeus iniciaram sua colonização, fascinados com a abundância de metais e outras riquezas que dali podiam ser retiradas. Essa exploração sem controle por parte de Espanha e Portugal, fez prevalecer os interesses imediatos dos conquistadores cujas mentes européiasansiavam por dominar este novo paraíso revelado. Esta visão, do Novo Mundo, manifestava-se ainda mais nos relatos dos colonizadores. A mesma curiosidade que os levou a desafiar o desconhecido e se lançarem na busca por essas terras, os fazia desafiar o conservadorismo da época e explorar o “paraíso” dos povos americanos.
De um modo geral, as colônias européias se dividiam em colônia de povoamento ecolônia de exploração. A exploração do Brasil, por exemplo, se deu de maneira exploratória e não de povoamento, já que os portugueses não tinham o intuito de desenvolver o Brasil. Já nos territórios colonizados pelos espanhóis, a colonização de povoamento se destacou.
A expedição de Fernão Cortez foi responsável pelo mais glorioso período das conquistas espanholas no Novo Mundo. Ela teria amissão de conquistar o grandioso Império Asteca. O primeiro contato entre os povos deixou os nativos se perguntando de onde vinham e o que queriam aqueles forasteiros. Chegaram a pensar, de acordo com suas realidades, que pudessem ser deuses, cuja aparição havia sido prevista. Assim acreditando, homens foram oferecidos ao sacrifício aos espanhóis, e estes foram recebidos como hóspedes. Tudo terminou,porém, com os astecas sendo aterrorizados e dominados por armas de fogos e cavalos. Animados com a vitória, os espanhóis prosseguiram com a invasão. Mais tarde, a conquista do imenso território inca também foi se consolidando, mas com muita resistência por parte dos indígenas. Muitos que estavam sob o domínio inca viram nos espanhóis uma possibilidade de libertação.
A quantidade de metais que saíada América era bastante grande, o que colocou a Espanha em situação privilegiada em comparação à outras nações européias. Para se ter uma idéia, a prata exportada para a Espanha em um pouco mais de um século e meio excedia três vezes o total das reservas européias. O medo das armas de fogo e a superioridade que o povo espanhol exibia nos confrontos, foram fatores que contribuíram para a verdadedos espanhóis sobre os indígenas. Além também das doenças desconhecidas ao povo americano, que não ofereciam resistência a elas. Por esses motivos, os estragos causados à população nativa, os espanhóis foram considerados “mensageiros da barbárie”, e não apenas “apóstolos da civilização”. Para gerir as terras conquistadas, os reis da Espanha montaram uma imensa maquina administrativa. Esse...
tracking img