Nos, os portugueses

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2592 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Ano letivo: 2011/2012

Nós, os Portugueses
Casos de Violência Doméstica
Unidade Curricular: Comunicação em Língua Portuguesa, 1ºano
Professor da UC: Maria José Gamboa

Trabalho elaborado por:
Ana Carvalho, 1110715
Helder Pinheiro, 1110247

Índice

Introdução Pág. 3
Metodologia Utilizada Pág.4
Análise Comparativa de Jornais
* Gráfico 1 – GénerosJornalísticos Pág.5
* Gráfico 2 – Ilustrações Pág.6
* Gráfico 3 – Tipos de Violência Pág.7
* Gráfico 4 – Fontes Consultadas Pág.8
* Esquema 1 – Relação entre Protagonistas Pág.9
* Gráfico 5 – Menção de Palavras Pág.10
* Gráfico 6 – Fotografias Publicadas Pág.11
* Gráfico 7 – Espaço ocupado Pág.12
* Gráfico 8 – Assinatura deJornalistas Pág.12
Reflexão Final Pág.13
Conclusão Pág.15

Introdução


As questões confrontadas com a Violência Doméstica são hoje uma realidade incontornável da sociedade portuguesa
O conceito “família idealizada” leva-nos, por vezes, a associar ao lugar de afetos e da expressividade. Esta mera idealização associa-se a muitos outros mitos populares, e em grandeparte, resulta da negligência da própria pessoa que não se apercebe da gravidade da violência doméstica. É um fenómeno de longa data.
A violência doméstica é a forma mais generalizada de violência entre os cônjuges, no entanto, na sociedade portuguesa assiste-se, crescentemente, a um aumento deste fenómeno nas camadas mais jovens (crianças) e até mesmo outros membros da família. No nosso país,este tipo de violência vitimiza dezenas de milhares de mulheres, podendo causar a morte de algumas dessas vítimas.
Ora, se não é um fenómeno recente, como é que a violência doméstica pode transformar, no nosso país, um problema social? Esta é uma questão que será interpretada ao longo do nosso trabalho.
Tendo um particular interesse por esta temática, pareceu-nos relevante conhecer a imagemdeste lado dos portugueses, veiculada pelos meios de comunicação, principalmente, pelo jornalismo impresso diariamente. Tendo em conta que os órgãos de comunicação são, simultaneamente, produto e produtores do meio social em que estão inseridos, não se limitam apenas a gerar informação, têm um papel crucial de manipular a opinião pública, o estudo dos seus discursos sobre Violência Doméstica éimportante para conhecer o ambiente vivido no seio da família portuguesa.

Metodologia utilizada

O âmbito temporal desta investigação foi estabelecido de forma rigorosa, uma vez que, o universo noticioso dos jornais selecionados era bastante vasto. Por isso, o grupo optou por analisar conteúdos jornalísticos de Março a Maio do presente ano.
A fim de obter uma análise mais representativapossível da imprensa portuguesa, o grupo limitou-se a sua investigação a uma amostragem constituída pelas peças noticiosas, publicada em dois jornais diários, “Diário de Notícias” (DN) e “Correio da Manhã”.
A opção “Diário de Notícias” baseou-se no facto do jornal ser um diário de referência que embora não seja o que tem maior índice de leitura comparativamente ao Correio da Manhã, está entre osjornais de referência nacional. Entre um jornal popular, optou-se pelo “Correio da Manhã” pelo seu elevado índice de leitura.
No espaço de 3 meses, o grupo optou por analisar apenas um universo noticioso de 50 notícias (15 notícias no DN, 35 notícias no CM).

Análise Comparativa de Jornais

Gráfico 1. Géneros jornalísticos

A notícia foi o género jornalístico mais escolhido, tanto peloDiário de Notícias como pelo Correio da Manhã, o que denota uma tendência para a atualidade e para uma abordagem direta, clara e concisa dos factos.
É de salientar, que os jornalistas de ambos os jornais têm um rigoroso cuidado com a organização da informação segundo a técnica da pirâmide invertida o que permite ao próprio leitor identificar de imediato o tema e as informações principais da...
tracking img