Nicolle

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 505 (126162 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
Gena Showalter
A Paixão Sombria
Senhores do Submundo 05

Durante semanas, Aeron, antes um guerreiro imortal dos deuses, tem sentido uma inquietante presença. Uma presença que quer fazer-se conhecida. Olivia é um anjo, "um demônio assassino" e antes de destruí-lo como ordenaram, ela decide salvá-lo. O preço, entretanto, é alto. Suas asas são arrancadas cruelmente e lhe tiram suaimortalidade. Mas para Aeron, quem sempre desprezou a debilidade, a confiança e o amor de Olívia serão sua ruína.

REVISÃO EM INGLÊS
Envio do arquivo: Gisa
Tradução e Revisão: Alice Akeru (4), Anna Sophia (4), Larissa (1), Lucilene (6), Mª João (2)
Monica Agona (4), Renata Braga (5), Valdirene (4), Vilma Pires (1)
Revisão Final: Táai
Formatação: Gisa e Táai
Tiamat-World
Glossário de Termose Personagens


|Senhor do Submundo |Deus ou Deusa |Hum|Devoto Artefato |Monstro |
| | |ano| | |
| | |s || |








Capítulo Um




— Não parecem se importar que estejam morrendo.
Aeron, um guerreiro imortal possuído pelo demônio da Ira, estava sentado no beiral dos apartamentos Bubajos[1] no centro de Budapeste, olhando para baixo aos humanos que tão alegremente passavam a tarde. Alguns estavam às compras,outros falando e rindo, e uns poucos lanchando enquanto caminhavam. Mas nenhum deles caía de joelhos e suplicava aos deuses por mais tempo nesses débeis corpos. Nem tampouco estavam chorando porque não o conseguissem.
Desviou a atenção das pessoas a seu redor. A luz da calada lua derramada do céu, mesclando-se com o resplendor âmbar das luzes e lançando sombras nas vias pavimentadas. Osedifícios se estendiam por toda parte, alguns dos pontos mais altos envoltos em toldos verdes claro, o contraste perfeito para as árvores esmeraldas que se elevavam em suas bases.
Bonito, tanto como o eram os caixões.
Os humanos sabiam que estavam se desvanecendo. Demônios, cresciam sabendo que teriam que abandonar tudo e a todos os que amavam, e, entretanto, como já tinha observado, nãoexigiam nem sequer pediam mais tempo. Mas como... Fascinava-o. Se Aeron soubesse que logo seria separado de seus amigos, os outros guerreiros possuídos por demônios que passou os últimos milhares de anos protegendo, faria qualquer coisa — sim, inclusive implorar — para trocar seu destino.
Assim por que não os mortais? O que eles sabiam que ele desconhecia?
— Não estão morrendo. — Disse seuamigo Paris a seu lado — Vivem enquanto têm a oportunidade.
Aeron soltou um bufo. Essa não era a resposta que procurava. Mas como poderiam viver enquanto tivessem a oportunidade quando sua “oportunidade” não era mais que uma mera piscada de tempo?
— São frágeis. Destroem-se facilmente. Como bem sabe.
Cruel por sua parte dizê-lo por que… A namorada? Amante? Fêmea escolhida? De Paris, oque fosse, foi recentemente assassinada a tiros diante dele. Ainda assim, Aeron não podia lamentar as palavras.
Paris era o guardião da Promiscuidade, obrigado a ir à cama de diferentes humanas cada dia ou se debilitaria e morreria. Não podia permitir o luxo de chorar a perda de uma amante em concreto. Especialmente uma amante inimiga, caso de sua pequena Sienna.
Aeron odiava admitir,mas em certo grau, alegrava-se de que a mulher estivesse morta. Ela teria utilizado as necessidades de Paris contra ele e finalmente o teria arrastado à ruína.
Eu, entretanto, garantirei sua segurança para sempre. Era uma promessa. O rei dos deuses tinha dado a Paris uma escolha: O retorno da alma de sua mulher ou a liberdade de Aeron de um horrendo frenesi de sangue que constantemente...
tracking img