Nenhum ate o momento

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2095 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
ANÁLISE DA REALIDADE URBANA BRASILEIRA Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 84,35% da população brasileira vive nos 5.565 municípios do país (Censo do IBGE, 2010). Dos 190.732.694 de brasileiros, 160.879.708 pessoas vivem em situação urbana contra os 29.852.986 de pessoas que vivem em situação rural. Se comparado com o Censo de 2000, a população urbana brasileirasubiu de 81,25% para 84,35%. A cada ano, as cidades “incham”. Você, aluno (a) de Estudos Dirigidos, muito provavelmente, vive em zona urbana, pois nossas faculdades estão localizadas em centros urbanos. O êxodo rural, ou seja, movimento migratório da população das zonas rurais para as cidades, é um processo que acompanha a História do Brasil desde o século XIX. Uma das características que marcaram oabandono do campo pelas cidades foram as condições de miséria, fome e sede, além das doenças ligadas à desnutrição. Ao refletir e pensar as grandes cidades você, provavelmente, estará conhecendo as questões mais importantes da realidade social, política, econômica e cultural brasileira. Violência urbana Um dos problemas críticos do Brasil é a violência. Como a maioria da população do país vive nascidades, a violência urbana agrega as maiores taxas de criminalidade, refletindo e exacerbando essa chaga social. Mais do que qualquer coisa, você deve estar se questionando o que leva tantos jovens a ceifarem suas vidas em nosso país? O que há de errado em nossa nação? Essa é uma questão muito complexa. Diversos fatores históricos, sociológicos e comportamentais levam a vida dos nossos jovens demaneira tão abrupta e prematura. Infelizmente, no Brasil, o acesso às armas de fogo é relativamente fácil. Duas datas são singulares quando você ouvir falar nessa questão. Em 23 de outubro de 2005, mais de 59 milhões de brasileiros votaram contra a proibição da venda de armas de fogo no Referendo do Estatuto do Desarmamento. Uma decisão política

que foi levada para um referendo devido àrelevância do tema. Seis anos depois, no dia 7 de abril de 2011, o país sofreu com a notícia de que um jovem de 25 anos entrou numa escola no Rio de Janeiro, e matou 12 crianças disparando tiros com revólveres de calibre .38 e .32, tendo ferido ainda outros dez jovens. Não devemos relacionar o resultado de um referendo a um crime bárbaro. Seria incoerente. O debate que devemos promover é o que asociedade brasileira (governos federais, estaduais e municipais, organizações não-governamentais, cidadãos em geral) deve fazer para restringir o acesso às armas, sejam elas ”brancas” ou de fogo. Você já parou para pensar a respeito das relações entre o consumo exagerado de álcool, uma droga lícita, e a morte de jovens? Para tal, basta fazer uma análise no número de acidentes fatais de trânsito nos quaisjovens, ao saírem das baladas e festas, bebem álcool durante a noite inteira e acreditam que têm condições de dirigir um veículo, mesmo estando alcoolizados. Se você costuma fazer isso ou conhece amigos que, mesmo após tantas campanhas veiculadas nos meios de comunicação de massa, ainda misturam álcool e direção, está na hora de refletir sobre a responsabilidade que todos nós temos em relação àsnossas vidas e às vidas alheias. Não perca a oportunidade de conversar a respeito desse assunto com os amigos que ainda não enxergaram a gravidade do consumo exagerado do álcool. Esse é um assunto “de saúde pública”, que provoca milhares de mortes e precisa ser discutido por todos nós. A Organização Mundial de Saúde classifica o álcool como uma droga. No Brasil, o álcool só pode ser comercializadopara maiores de 18 anos, mas todos nós sabemos que, infelizmente, não há uma fiscalização dos poderes públicos nesse processo de compra e venda de bebidas alcoólicas. Um problema social ainda mais grave é o tráfico de drogas ilícitas. O uso de maconha, ecstasy, crack, cocaína, heroína, solventes químicos como cola de sapateiro, lança perfume ou “loló” e outras substâncias estão destruindo a...
tracking img