Museu do apartheid - teoria da arquitetura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (476 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O Apartheid foi um regime de segregação racial adotado entre 1948 e 1994 na África do Sul. A partir de 1948, o governo do Partido Branco nacional eleito iniciou um processo que se transformou maisde 20 milhões de pessoas em cidadãos de 2 ª classe, condenando-os a uma vida de humilhação, servidão, e abuso. De acordo com esse regime, a minoria branca, os únicos com direito a voto, detinha todopoder político e econômico no país, enquanto à imensa maioria negra restava a obrigação de obedecer rigorosamente à legislação separatista. O Apartheid começou a declinar com a posse de Frederick Klerkem 1989 e a libertação de Nelson Mandela, o prisioneiro que se tornou presidente, em 1990. Em 1992 69% dos brancos votaram pelo fim do sistema.

Inaugurado em 2001, o Museu do Apartheid, ilustra aascensão e queda do apartheid: o sistema racialmente preconceituoso que arruinou grande parte do seu progresso e do triunfo da razão que coroou de meio século de luta. As exposições são de filmagens,fotografias, painéis de texto e artefatos que ilustram os eventos e histórias humanas que fazem parte da desta saga épica. Uma série de 22 áreas de exposições individuais levam o visitante através deuma viagem emocional dramática que conta a história de um sistema estadual sancionada baseada unicamente sobre a discriminação racial.

Um consórcio, chamado Akani Egoli (Gold Reef City),apresentou uma proposta que incluía o compromisso de construir um museu. Seu lance foi bem sucedido, o Casino Gold Reef City foi construído e uma peça adjacente de terra dada para a construção de um museu. Apartir daí, um consórcio arquitetônico, que compreende várias das principais empresas de arquitetura, conceituou o projeto do edifício em um suporte de sete hectares. O museu é um excelente exemplo deespaço, design e paisagem oferecendo à comunidade internacional uma experiência única Sul-Africano. As empresas participantes do projeto foram: GAPP Architects & Urban Designers, Sidney Abramowitz...
tracking img