Movimento divisionista de ms

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (829 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 19 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
História: O Movimento Divisionista

O estado de Mato Grosso do Sul, criado em 11 de outubro de 1977 através de Decreto-Lei assinado pelo Presidente Ernesto Geisel (de origem gaúcha), e implantadooficialmente em 1º de janeiro de 1979, possuía, à época da sua criação, 55 municípios e se constituía na porção mais rica e povoada do antigo estado de Mato Grosso.
Sua criação foi o ápice de ummovimento surgido nos anos 30 do século XX e teve momentos críticos, como, por exemplo, a participação dos mato-grossenses da região nas lutas da Revolução Constitucionalista de 1932, em São Paulo, com ofito de obter deste estado, o apoio à causa divisionista.
O movimento divisionista foi conseqüência da influência político-econômica da empresa Companhia Mate Laranjeira, criada pelo gaúcho ThomazLaranjeira para explorar os vastos ervais nativos existentes na região, documentados por ocasião da demarcação dos limites fronteiriços com o vizinho Paraguay, ao término da Guerra da Tríplice Aliança,também conhecida no Brasil como “Guerra do Paraguai”.
Contando com a anuência do Império que via na atuação da Cia Mate Laranjeira uma valiosa ferramenta de ocupação e afirmação de soberaniabrasileira na região, Thomaz Laranjeira praticamente constituiu um “Estado dentro de um Estado”. Sua empresa executava atribuições típicas de um Estado, como o policiamento, cobrança de taxas, emissão deautorizações, imposição de normas e regras de comportamento social, imposição da ordem pública e de proibições diversas.
O poder e a influência da Cia. Mate Laranjeira se estendia por praticamente todo osul do estado de Mato Grosso, atingindo áreas do oeste de São Paulo e Paraná, além de áreas do Paraguay (em reconstrução após o final da guerra) e também grande poder e influência em setoreseconômicos de Buenos Aires, Argentina. Esse imenso poder incomodava os políticos e empresários regionais porque engessava qualquer iniciativa capitalista independente da anuência dos burocratas da Mate...
tracking img