Mola hidatiforme

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1441 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL SÃO CAMILO – CEPROSC
CURSO: TÉCNICO EM ENFERMAGEM
TURMA: A 2011
DISCIPLINA: SAÚDE DA MULHER
PROFª: MÁRCIA BEATRIZ VIANA

MOLA HIDATIFORME

COMPONENTES:
TÁSSIA LEMOS
JACQUELINE LEAL
JÉSSICA TAÍS
JESSYANE LIMA
DILNY KAREN

MOLA HIDATIFORME
A mola hidatiforme é um tumor usualmente benigno que se desenvolve de tecido placentário em fases precoces deuma gravidez em que o embrião não se desenvolve normalmente. A mola hidatiforme, que se assemelha a punhado de pequenos bagos de uva, é causada por uma degeneração das vilosidades coriônicas. Desconhece-se a causa da degeneração.
Mola hidatiforme é um tipo de neoplasia trofoblástica gestacional, onde neoplasia é um crescimento anormal das células, comumente chamado de tumor. Trofoblasto é aparede externa do embrião humano que forma posteriormente a camada superficial da placenta. As neoplasias trofoblásticas gestacionais são tumores originários do trofoblasto.
São reconhecidos dois tipos de mola hidatiforme: a completa e a parcial ou incompleta. A mola completa se origina da fecundação de um óvulo que perdeu seu núcleo ou seus cromossomos por um espermatozóide, ou em casos menoscomuns, por dois espermatozóides. No primeiro caso o espermatozóide duplica seu próprio DNA. A gravidez não possui embrião. Já a mola parcial na maioria dos casos origina-se da fertilização de um óvulo normal por dois espermatozóides ou mais. Possui feto, mas este quase sempre tem diversas anomalias incompatíveis com a vida.

INCIDÊNCIA
Embora ainda se desconheça a causa da mola hidatiforme,sabe-se que esta afecta principalmente as mulheres muito jovens e as com mais de 40 anos, maioritariamente as que já tenham sido mães. Pensa-se que a sua origem possa ser proporcionada por fatores ambientais, relacionados, por exemplo, com hábitos dietéticos ou com o padecimento de infecções genitais crônicas, e particularmente por fatores hereditários, tendo em conta que as condicionantes genéticassão responsáveis pela grande variabilidade da frequência do problema nas diferentes zonas geográficas. De fato, a mola hidatiforme afeta uma em cada 125 gravidezes, em alguns países asiáticos (por exemplo, na Tailândia), enquanto que na América do Sul a sua incidência é de uma em cada 600 gravidezes e, nos Estados Unidos e na Europa ocidental, apenas uma em cada 1 000 a 2 000 gravidezes.

SINAIS ESINTOMAS
De início, os sinais e sintomas do seu desenvolvimento são semelhantes às de uma gravidez normal, embora muito mais acentuados, sobretudo em relação ao aparecimento de náuseas e vômitos. À medida que a mola vai evoluindo, o útero vai aumentando de tamanho de forma exagerada em relação à gestação, enquanto que a mulher vai, na maioria dos casos, emagrecendo e evidenciando uma notóriapalidez. Dado que a mola tem a tendência para, ao fim de um certo período de tempo, se desunir do endométrio, costuma originar hemorragias vaginais, de início pouco abundantes, existindo igualmente vesículas correspondentes a fragmentos da mola que podem mesmo ser eliminadas pela vagina, o que provoca um aborto molar, ainda que o tecido anômalo apenas seja totalmente expulso em alguns casos raros.Caso não se proceda ao seu tratamento oportuno, a mola pode penetrar na parede uterina e perfurá-la, provocando o aparecimento de hemorragias muito intensas que podem colocar a vida da mulher em perigo.
As molas hidatiformes podem provocar graves complicações, como infecções, hemorragia e toxemia da gravidez. Se a mulher tiver uma mola hidatiforme em vez de uma gravidez normal, não se detectammovimento fetal nem batimentos cardíacos.

DIAGNÓSTICO
Durante o processo de degenerescência da mola são expulsas pequenas quantidades de material semelhante a grainhas de uva pela vagina. O anatomopatologista pode examinar este material ao microscópio, para confirmar o diagnóstico.
O médico pode solicitar uma ecografia para comprovar que se trata de uma mola hidatiforme e não de um feto ou de...
tracking img