Modelo de planilha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (543 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 8 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
RESUMO
Modelo de planilha para analise dos custos e formação de preço dos serviços contínuos a serem terceirizados na Administração Publica.
,
*Rúbia Mara Posser

Muito se tem discutido sobre anecessidade de desenvolver uma ferramenta pratica capaz de auxiliar o agente na apuração, compreensão e formação de preço dos serviços a serem contratados. Este artigo apresenta um modelo de planilha queidentifica e demonstra os custos vinculados a formação de preço, as convenções coletivas de trabalho, leis trabalhistas,etc .Este artigo habilita o gestor a não só conhecer os custos, mas analisar amelhor proposta de uma licitação, o que resultará na pactuação de um preço justo para a contratada, contratante e sociedade.
1.SERVIÇOS TERCEIRIZADOS: ‘’Terceirização’’ representa na Empresa Publica oato de transferir a outras empresas responsabilidade por algum serviço, é entregar a terceiras atividades não essenciais da empresa permitindo a simplificação de sua estrutura organizacional ecolaborando com a eficiência de suas principais atividades. Viana(2006) enumera alguns itens que devem ser considerados para evitar contratações irregulares: (1) Não terceirizar atividade-fim*; (2) Mantercontrato formal, por escrito, com as prestadora de serviços.; (3) Verificar se a empresa é idônea**; (4) Evitar contratação de caráter habitual.
2.ELABORAÇÃO DA PLANILHA DE PREÇO DOS SERVIÇOSTERCEIRIZADOS: esse artigo tem como objetivo geral identificar e demonstrar quais os custos vinculados a formação de preços. O objetivo especifico é elaborar um modelo pratico a ser utilizado nas licitaçõespara contratação de serviços.
2.1 Mão de Obra:
Da Jornada de Trabalho. A Constituição Federal fixa a jornada de trabalho em 44 horas semanais, sendo 8 horas diárias conf. O art. 58 da CLT. O limitemáximo de horas normais admitidas é 220 horas mensais. O art. 66 da CLT admite um intervalo mínimo de 11 horas entre uma jornada e outra, o art. 67 assegura um descanso semanal de 24 horas consecutivas...
tracking img