Mobilidade urbana

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1142 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
METODOLOGIA PARA ELABORAÇÃO DE UM PROGRAMA DE MOBILIDADE URBANA NÃO-MOTORIZADA EM PASSOS



RESUMO

Este trabalho tem como objetivo apresentar a importância social da inclusão do transporte cicloviário no planejamento da circulação urbana e subsídios para a formulação de Programas de Mobilidade Urbana Não-Motorizado, principalmente para cidades de porte médio como Passos, onde seencontram as condições mais favoráveis à criação de sistemas cicloviários abrangentes, com impacto social e político significativo e que atende a população de menor renda. Além disso, apresenta-se um diagnóstico da situação existente, a identificação e localização dos usuários e dos principais conflitos no espaço urbano com outros modos de transporte, fundamental para o planejamento do uso adequadodas bicicletas dentro da cidade.

Palavra Chave: Bicicleta, Cicloviário, Mobilidade.




















1 INTRODUÇÃO
O PLANEJAMENTO URBANO TEM COMO PRINCIPAL MECANISMO DE IMPLEMENTAÇÃO DAS POLÍTICAS URBANAS O PLANO DIRETOR, CUJO OBJETIVO É FORNECER ELEMENTOS PARA QUE A CIDADE POSSA CUMPRIR SUAS FUNÇÕES SOCIAIS. EM PASSOS, O PLANO DIRETOR PARTICIPATIVO DO MUNICÍPIO,REALIZADO NO ANO DE 2006, TEVE COMO OBJETIVO, ENTRE OUTROS, A ELABORAÇÃO DE UM SISTEMA CICLOVIÁRIO. COM BASE NAS CARACTERÍSTICAS VIÁRIAS, TRÁFEGO, VANTAGENS E DESVANTAGENS DE CICLOVIAS E CICLOFAIXAS, PODE-SE PROPOR SOLUÇÕES QUE CONTEMPLEM TANTO AS NECESSIDADES DO TRÁFEGO MOTORIZADO JÁ EXISTENTE QUANTO DOS CICLISTAS (PREFEITURA MUNICIPAL DE PASSOS, 2006).
A gestão de transporte e do trânsito degrande parte das cidades mais importantes do país deve incorporar o uso da bicicleta, vista com grande interesse. Pode – se afirmar que a bicicleta é o veículo individual mais utilizado em cidades de pequeno porte, que representam mais de 90% do total das cidades brasileiras. Nas cidades de médio porte, o que muda em relação às pequenas cidades é a presença de transporte coletivo, associada a umtráfego mais denso. Por isto mesmo, as bicicletas se encontram presentes em grande número nas áreas periféricas das grandes cidades, onde as condições se assemelham às encontradas nas cidades médias.
Portanto, a finalidade do projeto é apresentar metodologias para elaboração de programas de mobilidade urbana, com a finalidade de proporcionar o acesso amplo e democrático ao espaço urbano,priorizando os modos de transporte não-motorizados como o cicloviário, de forma segura e socialmente inclusiva para a cidade de Passos.






































2 OBJETIVOS
O OBJETIVO GERAL DO PRESENTE PROJETO É FORNECER SUBSÍDIOS PARA A FORMULAÇÃO DE PROGRAMAS DE MOBILIDADE URBANA NÃO-MOTORIZADO, ESPECIALMENTE NA MODALIDADE CICLOVIÁRIA NO CONTEXTODE CIDADES DE MÉDIO PORTE MINEIRAS E BRASILEIRAS NÃO INSERIDAS EM ÁREAS METROPOLITANAS.
Uma formulação consistente destes programas que supere as formas improvisadas de implementação de programas públicos e a transferência pura e simples de modelos utilizados em realidades diversas, que, de forma geral, caracterizam as iniciativas das municipalidades brasileiras – exige o conhecimento e acrítica de experiências semelhantes já realizadas e uma leitura aprofundada da situação urbana do município onde se pretende intervir.
Assim, esta pesquisa parte do pressuposto que situações urbanas diferenciadas exigem estratégias de intervenção diferenciadas, e conduzem a processos de participação e decisão com distintas expressões e, para concretizar seu objetivo maior, visa:
- Avaliar emque medida as experiências inovadoras de sistemas de transporte alternativos não motorizados realizados no Brasil e no exterior têm sido eficazes, equacionando os problemas urbanos e propiciando a melhoria da qualidade de vida nas cidades e, em que medida são adequadas para o contexto de cidades neste projeto qualificadas de pequeno e médio portes, em especial para Passos.
- Formular...
tracking img