Mirtilo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 24 (5901 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Tecnologia de Hortofrutícolas

Mirtilos


Índice
Sumário Executivo 3
Apresentação 4
Benefícios 5
Características da produção de mirtilos em Portugal 6
Etapas da produção de Mirtilos 7
Considerações sobre a produção de mirtilos 7
Solo 7
Clima 7
Exposição 8
Necessidade de água 8
Preparação do terreno 8
Fertilização de fundo 9
Escolha da planta 10
Época de plantação10
Plantação 11
Compassos 12
Fertilização 12
Rega 14
Poda 14
Colheita 15
Embalamento 16
Armazenamento 17
Comercialização 17
Transporte 18
Consumo 18
Avaliação Nutricional 19
Factores de qualidade 21
Segurança Alimentar 25
Formas de Utilização 26
Receitas 27
Curiosidades 29
Referências Bibliográficas 30

Sumário Executivo

Com a elaboração deste trabalhopretende-se dar a conhecer o mirtilo. Começa-se por efectuar uma apresentação do fruto com indicações das suas características. Posteriormente apresentam-se as características da produção dos mirtilos em Portugal, as principais etapas da produção dos mirtilos, uma avaliação nutricional, os factores que influenciam na qualidade e a segurança alimentar associada.
Mais a titulo de curiosidadeapresentam-se ainda formas de utilização e receitas.

Apresentação

O Mirtilo (Vaccinium corymbosum) é uma baga de cor azul-ceroso, que cresce num pequeno arbusto que alcança 1m a 1,5m de altura. O mirtilo encontra-se em regiões nas quais o Inverno é rigoroso, dado que necessita em média de 700 a 1.000 horas anuais de temperatura entre os 10º e os 12º centígrados.
Conhecido como o “Rei dosAntoxidantes” e o “Fruto da Juventude”, este pequeno fruto está no topo dos alimentos com maior teor de antioxidantes, ultrapassando as vantagens de outros vegetais como repolhos, espinafres e brócolos. É rico em vitaminas A, B, C e PP, possuindo ainda sais minerais, magnésio, potássio, cálcio, fósforo, ferro, manganês, açucares, pectina, tanino, ácido cítrico, málico e tartárico.
A versatilidade culinária éoutra das características que lhe está associada, combina com caça, saladas e outros pratos, é usado na pastelaria em tartes, bolos, pudins, biscoitos, gelados, batidos, no fabrico de rebuçados, não podendo deixar de se salientar o chá e compotas confeccionados a partir destas pequenas bagas.
O mirtilo é uma planta medicinal, da qual se podem usar quase todas as partes da planta, flores, folhas,fruto e raízes sendo o fruto que contém mais antioxidantes, o que previne os sinais do envelhecimento.


Figura 1- Mirtilos do Sever do Vouga
Benefícios

Os 15 benefícios integrais do Mirtilo

* Utiliza-se para o tratamento da cistite;
* Reduz a degração das funções cerebrais em caso de Alzheimer;
* Ajuda a evitar alguns tipos do cancro do cólon e da mama, devido seu altoconteúdo antioxidante;
* Diminui a probabilidade de sofrer de problemas cardíacos;
* Alivia sintomas de infecções urinárias, renais e vesiculares pelo seu conteúdo de ácido úrico;
* Cura inflamações bocais graças às suas propriedades desinfectantes;
* Utiliza-se para melhorar a miopia, já que previne problemas de visão causados pela ruptura de pequenos vasos da retina;
* Fortalece asparedes dos vasos capilares, sendo utilizado para o caso de veias varicosas, flebites e hemorroidas;
* Contribui para melhorar a memória;
* Previne as cáries;
* Reduz as infecções do aparelho auditivo e respiratório;
* Previne complicações de diabetes;
* Actua sobre doenças das gengivas e articulações;
* Previne e trava a progressão da catarata senil, em combinação com avitamina E;
* Secos, combatem a diarreia; frescos, contêm propriedades laxantes.

Características da produção de mirtilos em Portugal

Há cerca de 18 anos, a Fundação Lockorn, da Holanda, efectuou uma experiência nos concelhos de Sever do Vouga e Trancoso no sentido de determinar se possuíam as condições indicadas para garantir a produção precoce do mirtilo, produto que faz parte da...
tracking img