Microeconomia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1311 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 30 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FACULDADE DE ESTUDOS ADMINISTRATIVOS DE MINAS GERAIS

















TEORIA MICROECONÔMICA II




Belo Horizonte – MG
2012










TEORIA MICROECONÔMICA II






Pesquisa em grupo, referente à disciplina de Teoria Microeconômica II do curso de Ciências Econômicas da Faculdade de Estudos Administrativos de Minas Gerais,ministrado pelo tutor: Roberto Mercadante.




Belo Horizonte – MG
2012
SUMÁRIO


INTRODUÇÃO 04

ÁREAS DE INFLUÊNCIA DIRETA 05

ESTRUTURA DO PREÇO DE VENDA 06

FORMAÇÃO DE PREÇOS SEGUNDO COMERCIANTES 07

CONCLUSÃO 09

REFERÊNCIAS 10


INTRODUÇÃO

Este trabalho busca comentar sobre cada elemento na análise dos custos e na formação do preço de venda, conceituando-o ebuscando compreender seu comportamento nas operações comerciais, sendo elaborado uma pesquisa de campo com duas empresas para analisar quais foram as ferramentas utilizadas para a formação de seus preços.
A competitividade tem exigido das empresas a busca contínua em aprimorar a qualidade em todos os processos e atividades que executam, buscando obter a aceitação dos seus produtos e/ouserviços e alcançar não apenas a permanência no mercado que atuam, mas também, outros objetivos desejados.
As definições do preço de venda envolvem aspectos muitas vezes analisados de forma rotulada, baseadas em dados e informações históricas ou subjetivas, apenas com alguma base científica, no entanto, não podendo mais ser objeto de decisões empíricas, tornando necessário conhecer todos oselementos que o compõem, sejam internos ou externos.
Para conhecer esses elementos que compõem o preço de venda, são necessários procedimentos organizacionais que informem sobre a estrutura patrimonial, assim como os relacionamentos sistêmicos que as empresas estabelecem com o ambiente no quais estão inseridas, pois, qualquer decisão sobre preço de venda poderá provocar alterações em todas asáreas das empresas e, consequentemente, neste relacionamento.











ÁREAS DE INFLUÊNCIA DIRETA

Os preços atuam mais diretamente sobre determinadas áreas, quais sejam: compras, estoque, custos, marketing, vendas e finanças.
A capacidade em adquirir mercadorias, ou matérias primas, com preços menores, na gestão dos estoques, na eficiência nos processos produtivos, naspolíticas de formação dos preços, os procedimentos para a colocação dos produtos no mercado e a gerência dos recursos financeiros, são elementos que, se não agregam valor sob a ótica do cliente, também não deveria impactar negativamente os resultados.
Este impacto negativo fará com que as empresas tentem obter mais recursos (lucros) através das operações comerciais, fato que poderáinfluenciar na busca de vantagem competitiva através de preços considerados baixos para o mercado que atua.
Para compreender como estes elementos impactam, será apresentada a estrutura genérica dos preços de vendas.














ESTRUTURA DO PREÇO DE VENDA

Entende-se como preço de venda o valor monetário que a empresa cobra de seus clientes em uma transação comercial.Este valor deverá ser suficiente para que a empresa cubra todos os gastos que foram necessários para colocar o produto, mercadoria ou serviço, à disposição do mercado, até a transferência da propriedade e da posse destes, incluindo o lucro desejado ou possível.
Estes gastos normalmente incluem a aquisição de matérias primas, mercadorias, serviços, como a mão-de-obra direta e indireta, alémdos gastos com estocagem, financeiros, tributos, e outros.
Para aglutinar estes gastos pode-se utilizar os seguintes elementos: preço de venda, custo, despesas variáveis, despesas fixas e margem de lucro.
Até decorrente da quantidade de estudos sobre o tema, o custo pode ser o principal elemento que impacta a formação do preço de venda, por isso no item 6 será realizada a análise...
tracking img